O Lendário Justiceiro Mascarado Fantomas, Sua História

fantomas

Bom a pedido de
Vou postar seu artigo que ele fez para o Portal…

Nesse artigo ele contou a verdadeira história do Fantomas uma das lendas nacionais que se tornou um ícone por uma geração…

Então veja a continuação do tópico para

Muitos são os personagens que podem representar a Luta Livre nacional, mas poucos marcaram tanto sua presença como o Justiceiro Mascarado Fantomas. Para ver o resto da postagem, clique em leia mais

Desde sua entrada triunfal nos ringues, trajando sua inconfundível roupa negra, uma capa sobre seu corpo, uma máscara ocultando sua identidade. Uma perna rija não impedia Fantomas de massacrar quem ousasse desafia-lo sob o ringue.
Um vulto negro, enorme, envolto sob um enigma, uma atmosfera de suspense e de justiça. Sim. De justiça, porque o Justiceiro Mascarado sempre fez jus ao seu nome, sendo sempre um lutador correto, que não usava de truques, artimanhas e golpes sujos. Sempre lutou de uma forma limpa e destemida.

Pois esse mito sempre despertou a curiosidade de muitos. E muitos até hoje dizem ser ou ter sido parte da história desse enigmático personagem.
Pois minha proposta aqui hoje, não é desmistificar um mito, ou desmentir quem quer que seja se já fez o personagem ou não. Mas sim minha intenção é a de contar um pouco da história de Fantomas, mas não pelo meu ponto de vista, mas sim com relatos de lutadores que viveram o nascimento do personagem.

Em meados de 1966, foi criado pelo empresário Teti Alfonso na TV Globo (RJ) o personagem Fantomas. A idéia era exatamente o que deu certo, ou seja, um lendário justiceiro com sua face encoberta por uma máscara negra com os traços do rosto em branco.
Existem controvérsias sobre quem teria sido o primeiro lutador a personificar o Justiceiro Mascarado, porém as histórias que mais se encaixam devido aos relatos dos lutadores da época contam que o argentino Ali Bunani, foi o primeiro Fantomas.
Existem registros até mesmo de que Ali foi escolhido pelo empresário para interpretar o personagem devido a sua conduta exemplar também fora dos ringues, por sua moral e relacionamento com os demais.
Outra linha informa que o primeiro a personificar Fantomas foi o também argentino El Toro.
Nesse meio de informações é relevante comentar rapidamente sobre outro personagem com grande semelhança ao Fantomas, o Verdugo. Verdugo era um personagem mais sombrio, que entrava ao ringue acompanhado do seu assistente (chamado na luta livre de segundo) Pé na Cova, que dizia trazer Verdugo diretamente do cemitério para o embate da noite.
Cabe salientar que nesta época a Luta Livre no Brasil era algo visto com tanto cuidado e seriedade que somente o empresário tinha os direitos sobre o personagem, ou seja, se Ali Bunani era o interprete do mesmo, ninguém mais no País inteiro poderia plagiar o personagem, cabível abertura de processo.
Poderia haver sim na época um revezamento entre Ali Bunani e El Toro quando a interpretação de Fantomas e Verdugo, essa informação não está descartada, mas o que todos os fatos convergem é para o fato de Ali ter sido o intérprete de Fantomas desde sua criação.

Das informações que se tem Ali Bunani interpretou Fantomas até meados de 1969. Para quem não sabe, Ali não era somente intérprete, pois também lutava com seu próprio nome. Ao que temos informações Ali Bunani faleceu em meados de 1987 em sua casa de morte natural, diferentemente do que muitos contam por aí que o intérprete de Fantomas morreu assassinado, atropelado, envenenado, ou qualquer outro absurdo.
De Bunani para frente muito foram os intérpretes do personagem. Podemos citar o próprio El Toro, Luizão, Guerino Cicon, Gran Bartollo (o Sancho Pança), dentre outros.

Fantomas foi e continua sendo um personagem que foi criado sem muitas pretensões, mas que como poucos acabou virando um mito, uma lenda.

Para escrever essa coluna, contei com a ajuda de lutadores da época da criação do Fantomas. Lutadores que lutaram no Ringuedoze (RS), TV Excelsior, Record, Globo.
Portanto, como disse no início as informações aqui contidas não se baseiam no meu conhecimento somente dos fatos, mas principalmente de quem viveu a época e conviveu com Ali Bunani, El Toro, Ted Boy Marino, Tigre Paraguaio, dentre outros grandes artistas da época.

Em suas observações sobre o destino nas gerações atuais quanto ao lendário Fantomas, Stiner, ex-lutador que iniciou sua carreira no Rio Grande do Sul através do Ringuedoze, depois seguindo para o Rio de Janeiro participou dos programas de televisão transmitidos pela Globo Rio, TV Excelsior, dentre outras, deixou um pedido e um recado aos que vierem a interpretar Fantomas:
“- A quem faz ou fará este personagem o que peço é que tenham o cuidado de fazer bem, pois os que tinham esta responsabilidade na época, foram extremos profissionais, dedicados a manter o anonimato em benefício do personagem, e o verdadeiro profissional, não fica falando que é o personagem.
Sejam cuidadosos e respeitem, senhores empresários este mito que jamais será esquecido.”

Outro colaborador para que fosse possível serem colocados fatos reais nessa coluna foi o lendário Scaramouche, ex-lutador, um exímio ás do ringue, um atleta que literalmente voava sobre o ringue, também participante do Ringuedoze e de programas citados aqui.
Scaramouche deixa claro que não tinha contato tão próximo aos personagens como de fato teve Stiner, somente o contato normal entre lutadores nos vestiários, e que sempre soube da relação Ali Bunani = Fantomas e El Toro = Verdugo, não sabendo de qualquer outra pessoa que possa ter interpretado os personagens antes deles.
Scaramouche descreve em poucos detalhes, mas preciosos as diferenças entre os personagens:

“- As únicas diferenças que vejo nos personagens são os nomes, e pequena diferença na máscara, pois os estilos de lutas e a marca registrada da perna dura (só do personagem) eram idênticos.”

E complementa dizendo:

“- Como me desliguei do Catch em 1970, não soube que trajetória seguiram o Fantomas e Verdugo. Na minha opinião qualquer Fantomas ou mesmo Verdugo que já apareceram e que aparecerão, considero pirataria, e um desrespeito tanto ao criador do Fantomas e Verdugo, como os próprios personagens.”

Em carta de próprio punho destinada a Carla Martinez, filha do grande lutador El Condor, argentino, que a alguns anos já nos deixou para lutar em outros ringues, o próprio Mister Argentina descreve claramente que Ali Bunani era o intérprete de Verdugo e El Toro de Fantomas, ambos eram argentinos também como já citei, e o Mister sempre teve um contato muito próximo com ambos.

Portando como posso resumir e encerrar essa coluna sobre a história do Justiceiro Mascarado?
Posso dizer que mesmo que se tente contar a história de Fantomas, o mito permanece, a incógnita sobre a sua identidade permanece.
Teria realmente sido Ali Bunani o primeiro a fazer o Fantomas subir ao ringue? Ou seria El Toro o primeiro Justiceiro Mascarado?
Na real, não importa quem foi. O que importa é que ambos eram lutadores exemplares, profissionais exemplares, com condutas exemplares, e por isso foram escolhidos para interpretarem personagens que ficariam imortalizados dentro da história da Luta Livre nacional. Infelizmente, de tempos em tempos, espertalhões tentam se passar por Fantomas. Dizem com a maior seriedade do mundo que foram ou que são Fantomas.
Vamos à lógica?
Se eu que tenho 1,80cm mandar fazer uma roupa igual a do Fantomas, ainda com a ajuda de uma sola mais alta devo chegar próximo dos 2m de altura. Coloco aquela máscara, uma capa preta de cetim por cima, nunca subi na minha vida num ringue, não sei como dar um drap, não sei o que é uma “cutelada”, mas tiro umas fotos com essa fantasia e depois sem a máscara. Isso faz de mim Fantomas?
Se isso faz de mim Fantomas, então posso reconhecer com o maior orgulho inúmeros Fantomas que existem por aí.
Gente que nunca participou de nada relacionado à Luta Livre.
Gente que não sabe nem ao menos dizer de qual perna ele mancava, pois era dura.
Gente que vai pra imprensa e ainda tem, desculpem a cara de pau de dizer “eu sou o verdadeiro Fantomas”.

Oras, nem Ali Bunani nem El Toro, nem nenhum outro lutador que eu tenha conhecido foi um dia pra frente de câmeras dizer “eu sou o Fantomas”.
O que registro aqui hoje é a memória desses homens que devido a eles até hoje muita gente ainda lembra das grandes batalhas travadas pelo personagem.
Não venho aqui desmistificar o Fantomas, mas contar a história do mito, e principalmente agradecer a esses homens que muitas vezes ocultaram suas próprias personalidades atrás de uma máscara, deixaram suas identidades como verdadeiros lutadores de Telecatch em um segundo plano para elevar um personagem. Um personagem que virou um mito, e por intermédio desses verdadeiros artistas.

Não julgo quem hoje interpreta Fantomas, mas em memória a esses homens que fizeram o personagem que ainda hoje vive, faço minhas as palavras de Stiner e Scaramouche. Mesclo as duas opiniões e gero a minha.

“Srs. se forem fazer, façam com respeito, estudem o personagem e façam bem feito.”

Artigo publicado no: Portal da Luta Livre

Anúncios

34 comentários em “O Lendário Justiceiro Mascarado Fantomas, Sua História

  1. Cara, devo dizer que está muito bom, e me interessei muito em conhecer a história…

    Não sei muito da HISTÓRIA, mas se sei algo, era a perna direita que ele mancava, não tenho certeza.

    Enfim, fantomas é mito! ^^

    Até estranhei quando falaram que ele tinha morrido e tudo mais, mas enfim…

    Tu citaste uma verdade aí, tem muito nego sem noção que não saca nada de luta livre e se veste de lutador pra tirar onda… Mas fazer o que? …

    Fantomas viverá, e se possível vou assumir uma gimmick de copiador de lendas, daí eu me visto de Fantomas um dia! 😀 hehehhehe

  2. Marcos,

    Vale lembrar que o nome Fantomas tem origem em uma série de livros policiais franceses. Os autores são Marcel Allain e Pierre Souvestre.

    São 43 livros, mas 11 deles foram publicados após a morte de Allain.

    Fiquei sabendo de um livro envolvendo o fantomas agora em 2007, só que nunca li (E por acaso se falando assim parece que eu li todos os demais 43 livros, já digo que não é bem por aí não rs. É só impressão).

    Só que no livro, o Fantomas era um bandido… ladrão/assassino digno de um bom filme Hollywoodiano.

    Muito interessante também o seu ponto de vista em agradecer aos lutadores que sacrificaram a “fama” e “ser reconhecido por onde passa”, para carregar a pesada cruz de ser o fantomas. O próprio KANE na WWE não aguentou e pediu que fosse retirada a máscara de seu personagem. Algo que jamais pode acontecer com o nosso justiceiro.

  3. ^^

    Marcos, sugestão pro próximo artigo – Faça tipo um plantel dos grandes nomes brasileiros do wrestling! 😀 Seria interessante, sei lá, só ideia!^^

    E cacilds, Jack por aqui?? =P

  4. Poxa, cara, que coisa legal! Muito bom ter acesso a essas informações, que a gente não acha em qualquer lugar….

    E difícil se manter no anonimato, egocentrismo rola solto…mas veja como os caras souberam tanto manter seu papel, que até hoje não se sabe com certeza quem fora o primeiro Fantomas, é de se admirar!

    Parabéns pelo texto.

  5. Excelente texto, grande pesquisa daquele que foi um marco na Luta Livre Brasileira

    Legal a história do Fantomas, porque ele é um dos únicos Personagens da Luta Livre Mundial que nunca se revelou, manteu o personagem eterno, com as mesmas características, o mesmo jeito de atuar…

    Seria muito bom ver o Fantomas no ringue novamente, mas como esta claro no Texto,.. Se forem fazer, façam direito…

    Agora, eu até queria saber, não sei se o Marcos pode me responder, … Uma vez eu vi algo sobre um desenho, que se chamava FANTOMAS – O Justiceiro… Personagem era semelhante em partes ao ícone da luta Livre Brasileira, enfim… qual a relação entre o personagem e o desenho? se é que tem alguma?

    Parabéns pelo texto, muito b om mesmo saber mais da história do Grande Fantomas

  6. Fabio,

    O Desenho se chamava “O Morcego Dourado” no Japão. Quando chegou no Brasil, a fama do Fantomas era tão grande, tão grande, que deram o nome de “Fantomas – O Justiceiro” para ele 😛

    Isso porque o herói do desenho tinha um rosto de caveira e uma capa. E só. Não mancava nem nada hehe

  7. Esclarecendo ao Jack e ao Ricardo:

    A orígem do nome Fantomas (do nosso Fantomas da luta livre brasileira) nasceu do desenho mesmo, até mesmo pelas semelhanças citadas pelo Jack.
    Não veio dos 43 livros (que o Jack não leu..rss).
    O que ocorre, é que desde a década de 60 já existia o personagem do desenho em gibis.
    Quando foi criado o nosso Fantomas, o empresário Teti Alfonso, aproveitando o gancho dos gibis, deu o nome ao personagem de Fantomas, pois quando os gibis do Morcego Dourado chegaram aqui no Brasil, já foi entitulado como Fantomas.

    Só para esclarecer.

    Agradeço a todos aqui pelos cometários.

  8. Ricardo

    Sobre a sua sugestão, minha meta é contar um pouco da história de muitos dos lutadores dessa época mesmo.
    Já estão na “lista de espera”..rsss

    El Condor, Scaramouche, Rando, Tapir, Mister Argentina, Stiner, entre outros.

    Abraços

  9. Gostaria de receber, se possivel,fotos do Verdugo, scaramouche, el condor, mister argentina, fantomas, entre outros, pois fui muito fã dos mesmos na epoca. Atenciosamente. Paulo

  10. Sou filho d um dos Fantomas, meu pai Wilson, jah falecido lutava como Fantomas na epoca do Moreirinha, Dunga, Ted Boy Marino, Fera, As Caveiras…. lembro d ir com ele aos estadio e morria d medo dos lutadores. Quanto a dar “trap”, Fantomas nao pulava, por isso nao dava tal golpe. Tenho fotos ainda dessa epoca, nao gosto muito d ver pq traz saudades do meu pai. Enfim, houve varios Fantomas, mas para os filhos dos Fantomas soh houve um, o proprio pai.

    • caro will gostaria de conversar mais a respeito do seu pai que foi um idolo pra mim nestá época e tb pq sua esposa a olinda carlos é minha tinha

      abraços

      • Amilcar, por favor avise a sua tia Olinda Carlos que as suas amigas Enfermeiras da escola braulio gomes vao se reunir para comemorar 50 anos. Entre no Orkut e busque a comunidade esc braulio Gomes enfermage e deixe um contato. A data do evento e’ 12 marco 2011.

      • Prezado Amilcar, poderia por favor informar se a sua Tia Olinda Carlos ainda vive? Minha mae Aparecida Santos esta procurando por ela (elas estudaram ha 50 anos atras). Obrigado. Roberto.

        • Oi Roberto tudo bem!nossa faz tanto tempo que eu não li este post seu deixado aqui cara bom nós aqui tb estamos tentando há anos contato com a Olinda Carlos e não sabemos do seu paradeira aliás se vç tiver alguma informação passe para nós o meu Pai Joaquim e toda a familia quer saber por onde ela anda se for possível pergunte para sua mae qual foi a ultima vista dela por ai no colégio

          abraços

          nosso email

          januzzi_1@hotmail.com

    • Will, por favor avise a sua mãe Olinda Carlos, se ainda estiver viva e espero que esteja, que as suas antigas amigas Enfermeiras da escola de enfermagem Braulio gomes querem reencontra-la. Sou filho da amiga dela conhecida como “Santos”. Para respeitar sua privacidade, se preferir, envie email para aaaoliveirar@hotmail.com

  11. tenho 61 anos,+- aos l2,assisti pela tv record fantomas vs cangaceiro e até hoje acho que foi uma luta pra valer,pois cangaceiro usou sua tecnica de capoerista e aplicou toda sorte de pernadas, joehadas e até pontas pé em meu heroi da luta livre fantomas que também foi jogado fora do ringue perdendo a luta em menos de 2 minutos,fiquei em choque por bom tempo gostaria de saber se alguém se recorda desse episodio.

  12. tenho 61 anos,+- aos12 anos de idade,assisti pela tv record fantomas vs cangaceiro e até hoje acho que foi uma luta pra valer,pois cangaceiro usou sua tecnica de capoerista e aplicou toda sorte de pernadas, joelhadas e até pontas pé em meu heroi da luta livre fantomas que também foi jogado fora do ringue perdendo a luta em menos de 2 minutos,fiquei em choque por bom tempo gostaria de saber se alguém se recorda desse episodio.

  13. Assisti a uma luta do inigualável Fantomas contra La Mumia ( com seu bafo de 4.000 anos ) . O juiz foi muito desonesto ( espero que esse juiz tenha sido suspenso ou levado uma multa ) e no final a Mumia ganhou . Gostaria de saber se ainda é possível haver uma revanche agora com juiz imparcial. Outra luta do Fantomas contra La Mumia foi num octogono e La Mumia foi jogada por cima da parede do octógono e não voltou.
    Eu gosaria de ver uma luta do Fantomas com Jose Luis campeão mundial português que tinha dois ossos frontais e com isso sua cabeçada era terrível.
    São lembranças. E o Kostolias , campeão mundial grego . Por onde ele anda ?

  14. Nessa época eu tinha 12 anos… poucas pessoas tinham TV… reuniam-se em minha casa umas 30 pessoas para ver o telecatch da Excelsior (e depois na Globo, pois aqui não pegava antes da Excelsior)e torcíamos ferozmente pelo garoto Ted Boy, pelo nosso super-heroi Fasntosma, contra os malvados Aquiles,o Matador, aquele cara que usava um soco inglês… Depois tinha a luta final de duplas (um extase)… tudo apresentado pelo saudoso Edson Bolinha Cury… Só ficou a saudade… Uma pena que o Fantomas já esteja com Deus…

    Tenho 56 anos, é primeira vez que leio sobre a história de Fantomas… parabéns pela grande matéria.

  15. Parabéns e com saudades do lendário Fantomas. Quantas coisas boas apesar da infância pobre mas com muita ingenuidade e sonhos em progredir na vida.Eu lutava com meus amigos de infância em muitas vezes eu era o Fantomas. Hoje as crianças brincam de matar seus pais, avós, etc. Doce infância ingênua, porém boa.

  16. Fico triste em ler coisas que alteram os fatos cronologicamente falando. quero esclarecer que primeiro surgiu o verdugo e o perna cova como assistente no telecath montilla na década de 60.Depois vieram os imitadores . Sei disto pois apesar de ser garoto na época tinha vários parentes que trabalhavam em várias emissoras de tv da época. Sou carioca mas não deixaria de falar a verdade se fosse o contrário. Não quero culpar ninguém ,porém quero crer que seja pura falta de conhecimento de algumas pessoas. Desculpem , mas esta é a pura verdade quem tiver dúvidas é só pesquisar. Obrigado

  17. Conheci um investigador de polícia em são paulo que se chama FERRUCIO e ele tinha uma lanchonete antes de ser policial no largo do arouche na decada de 1980 e muitos clientes e amigos dele me disseram que ele foi um dos lutadores FANTOMAS ., até hoje tenho minhas duvidas,uma vez perguntei e ele não me disse nem sim e nem não ! se alguém ouviu falar dele e puder me tirar esta duvida eu agradeço.

  18. Grandes saudades do RINGUE DOZE. Era a MUMIA levantar o braço antes de entrar no ringue, que a gurizada corria de medo, todo mundo sabia da marmelada, mas na hora dava aquele medo. O FANTOMAS, era nosso heroi justiceiro, sempre na dele, devia servir de exemplo para essa turminha que vai para as academias e depois sai na rua batendo em qualquer um (desde que mais fraco), lembram da GANGUE DA MATRIZ. Pois assim no mais encontrei um dos lutadores que me recordou os bons tempos, ele era o ESPARTAKUS, e lutava no ringue do Ginasio da Brigada Militar, entre 1968 e 72. Eta tempo bom, era so MARMELADA. sds.

  19. eu sou o fantomas , eu aprendi tudo que o fantomas fazia nas lutas nos rinques , e guardei isto para mim , na minha vida pessoal , eu tenho um problema na perna esquerda o fantomas era na direita ,não é defeito é coisa de guerreiro na guerra se cair ,fica dificil de levantar ,por isto é que a porrada tem que ser forte e certera é o que o fantomas fazia batia forte e sem dó e principalmente com as mãos e os braços pois a onde o fantomas punha a mão o pião não aturava 1- minuto, eu aprendi a brigar igual a ele , pois eu era atento sempre na ciencias aplicada por ele no seus golpes ,a parrada era forte e certera muita gente tem medo de mim , quem me conhece sabe do que eu faço em uma briga de porrada , quem me ve sem me conhecer e encara depois da porrada eles se perguntam a onde este baixinho de 1-68 , arrumou esta força assim , é o jeito de pegar e se aplicar a força é o jeito de porra ,é o jeito de não ter piedade de não rir e nem se gavar e nem se achar pleyboizinho novo de braço grosso , é bater pra mostrar que se sabe bater também , é a tecnica do fantomas é porra sem rir e se exibir ,é porrar com respeito sem querer mostrar que sabe bater ,é porrar pra parar o metido ,é porra sem rir ,é porrar sem tomar conhecimento se o mocinho e o gostoso ou panaca exibido ,fantomas é porra como um cara mais velho pra mostrar que quem manda é o cara que não rir para ninguém ,igual a mascara do fantomas, fantomas não mostra que é pleyboizinho, fantomas é o cara que ensina voce ser fantomas , e passa te conhecer como um fantomas, fantomas é calmo queto e certinho , mas se encara ai ,se conhece quem é fantomas e quem é pleyboizinho.

  20. como faço para receber informações sobre o Mister argentina por onde andas e o que faz hoje em dia e um contato, pois minha mãe é muito fã dele e em sua juventude assistia as suas lutas.

  21. Nossa! Eu adorava luta livre. Isso foi em 1967. Lembro-me do dia em que Fantomas foi lutar contra Aquiles. Foi o acontecimento mais esperado. Naquela noite faltou energia no bairro em Santo Amaro – SP e eu nunca soube o que aconteceu. Alguém se lembra?

  22. gostaria de saber se o fantomas que da perna mancava existia na sua vida uma mulher que declarava ser sua esposa na qual adotaram um filho essa mulher chama-se Olinda Carlos e qual o nome do filho do fantomas obrigado

  23. Eu nos anos 60 nao perdia uma apresentação. da luta livre e tambem quando foi ao ar no antigo canal 5 ( globo atual ) apresentador de ringue era o sr jaime de oliveira e o nome do espetáculo era telecath montilla! Uma das minhas grandes recordações quando criança!

  24. oi,porque sumiu ,o video ,fantomas x cantinflas e moicano , uma luta memoravel, outra seria fantomas x king kong, fantomas ergueu o macaco , e jogou fora da jaula , alguem ,tem esses videos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s