King of the GRTR Tournament: Round 3/Post 2

Agora sem o DDA para competir audiência com meu post hoje, trago-lhes o segundo post do terceiro round do King of the GRTR Tournament. Para ver as promos mandadas, clique você sabe aonde.

Agora que você já clicou e está vendo o resto do post, é hora de explicar como funcionará o resto do Round 3. Na verdade será igual ao round 1. Abaixo seguem as promos, sem mostrar seus autores e também editados para que mantassem a anonimalidade do escritor. Vocês, leitores, irão votar na sua promo favorita de cada tema e aquela que ganhar mais votos vencerá.

TEMA 1: “O quê você diria se estivesse cara-a-cara com John Cena?”

Promo 1:

John, John, John. Você deve se considerar o ídolo dos jovens adoradores da luta livre. John, você vem toda a semana até o ringue e diz ser um cara bonzinho, um herói americano. Mas John, nós dois sabemos que isso é uma farsa! John, eu sei que anos atrás você, que hoje age como um soldado americano, estava vestido de rapper e agindo como um imbecil, apenas para marcar território na empresa. Você mascara sua real identidade, usando toda essa babaquise de “loyality, Respect” e blá blá blá, mas você sabe que o verdadeiro John Cena não possui nada de Loyality, Respect e todas essas coisas que você fala para as crianças! John, você é uma mentira. É triste como todas essas crianças estão cegas, incapazes de ver quem você é realmente. Mas John, eu sei quem você é realmente. E um dia, John, sua máscara irá cair. E todas essas crianças que agora estão aplaudindo você agora, irão conhecer o mal que há por trás do soldado.”

Promo 2:

Competidor: -Cena… É vc mesmo Cena?!
Cena: -Sim, sou eu!
Competidor: -O que está fazendo no Brasil? E na minha frente?
Cena: – Estou fazendo um passeio pelo país!
Competidor: -Cara, eu tenho que desembuchar tudo o que eu penso de vc…
Cena: -Como quiser.
Competidor: -Primeiro, aprenda a lutar um pouco…. Vc não tem um Move-Set decente e não sabe lutar. Só está na WWE e sendo um Top-ME por causa que dá lucro para o Sr. Vince McMahon. E isto é a única coisa que ele pensa… dinheiro!
Cena: -O quê? Vc não gosta de mim? Todas as crianças dos EUA gostam!
Competidor: -Falou certo: Todas as CRIANÇAS DOS EUA… Não as do Brasil… É certo que vários gostam de vc. Mas eu não!
Cena: -E pq não?
Competidor: -Fácil… Pq vc sempre está no ME. É o “Herói” das crianças do seu país. E se vc não sabe, vc enjoa demais. Por isso eu não gosto! É certo que ultimamente vc vem lutando um pouco melhor. Vem sendo um pouco mais interessante ver suas lutas. E ainda vem dando uma melhorada em suas lutas. Apenas isso!
Cena: -É bom saber que tem gente que está falando a verdade na minha cara… mas isso é demais!
Competidor: -Demais pq?! Muitos que entendem muito mais de Wrestling iriam falar a mesma coisa… Vc tem sorte que eu não te xinguei até a morte.
Cena: -E vc faria isso?
Competidor: -Faria se fosse preciso… mas esse é um ponto que eu não quero chegar.
Cena: -Olha mano, acho que isso serviu como uma aula… Não sabia que aqui no Brasil seria diferente dos EUA… irei tentar fazer lutas melhores como vcs querem… Tentar não ficar no ME toda vez! Vc quer que eu faça mais alguma coisa? Se quiser, é só falar.
Competidor: -Sim, eu tenho. Fale para o Sr. Vincent Kennedy McMahon parar com essa porcaria de PG. É uma desgraça… De vez em quando vc vê alguma luta que preste… Não precisa ser aquela luta cheia de sangue, queremos uma luta que contagie, que traga emoção, que mostre o que é  realmente um Wrestler. Na miha opinião, o sangue, deveria ser usado em lutas mais diabólicas, como na HIAC, que ninguém mais usa o que pode na luta. A HIAC de hoje, é como se fosse uma luta normal só que com uma jaula que os prende, e não uma luta que teria um “inferno” dentro dela! Tbm deveria ter sangue na Elimination Chamber, que tbm vendo sendo muito sem graça…
Cena: -É só isso?
Competidor: Não, não acabei ainda…
Fale pra ele tbm, que aproveite quem saiba lutar, e não fazer dele um cara que não faz merda alguma. Dê a ele mais credibilidade, pq no futuro, vc serão prejudicados com isso!
Outro fator importante, são as Storylines… Aqueles caras não sabem fazer uma Feud decente?! Eu acho que não… Nesses últimos tempos, dificilmente vc vê alguma Feud que preste… Arrume isto, pq a situação está crítica… E está me ferrando bastante nas apostas dos Blogs viu! Hehe
E outro coisa que não posso esquecer… Fale para o seu patrão, que aqui no Brasil, tem muito mais fãs do que ele imagina. Então fale pra ele fazer House Shows aqui. Fazer uma Tour por aqui, pq sei que ele não irá se arrepender!
Bom, acho que é tudo que eu queria falar. Espero que se lembre de tudo isso…
Cena: -Nossa… Eu não vou esquecer nunca disso… Pode ter certeza eu isso irá acontecer!
Competidor: -Espero que aconteça mesmo!

Cena: -Bom, foi ótimo ter essa conversa com vc. Vi que algumas coisas são diferentes de outras! Agora se não encomode, estou atrasado… Tenho que ir embora…
Competidor: -À vontade… Até mais!
Cena: -Até mais!

Competidor falando com si próprio: -Hum… Queria que tudo isso que eu disse pra ele agora resultasse em coisa boa… Pena que não será nada feito.

TEMA 2: “Convencer um americano a assistir wrestling brasileiro”

Promo 3:

Toca a música de John Cena e ele vem ao ringue, com grande ovação, para uma promo

John Cena: Hoje não vou falar dos NEXUS pela milionésima vez. Também não vou vencer o WWE Championship numa handicap de 1000 homens contra mim, pois os bookers não me permitiram (ainda…).

Público começa a gritar “Let’s go Cena! Let’s go Cena!”

John Cena: Quero dizer, NÃO vou repetir meu discurso, pela primeira vez na vida. Vejam como o professional wrestling cresceu, em dimensões mundiais. Temos Sheamus e Finlay, da Irlanda; Justin Gabriel e Kofi Kingston, da África; Santino Marella, da Mongó… digo Itália. Então, que tal olharmos para um país da América, desta vez.

Público grita “USA! USA! USA!”

John Cena: E não este país, outro… Quero dizer, temos muitas coisas boas em outros locais do mundo.

Público grita “Maryse! Maryse! Maryse!”

John Cena: Sim, sim. A Maryse também é boa, mas falo de outras coisas, como o próprio wrestling.

Cânticos de “Michelle Mccool! Michelle Mccool! Michelle Mccool!” são ouvidos

John Cena : Esqueçam as mulheres e antes que gritem, esqueçam do Justin Bieber! Vamos começar a falar da luta-livre do continente americano. Olhemos para o Brasil.

Público grita “Bobo Brazil! Bobo Brazil! Bobo Brazil!”

John Cena: Não é este Brasil! Vocês parecem que tem a mentalidade do Eric Young, francamente. Opa! Estamos no ar ? Posso falar nomes da TNA ?

Cãnticos de “T-N-A! T-N-A! T-N-A!”

John Cena: Calma! Calma! É melhor pararem, antes que acabem com a PG Era e eu ponha vocês a KO!

Silêncio abrupto na arena!

John Cena: Voltando para o assunto do Brasil (que por sinal não é o Hall of Famer). Como todo país, o Brasil tem seus problemas. A política é uma merda, a televisão é uma merda mas, ainda assim, nem tudo está perdido. Existem belas mulheres e existe o Get Ready to Rumble (ok, isto foi para puxar o saco). Não há luta-livre na televisão! Por isso vocês devem acompanhar a modalidade do Brasil, para ter aquela emoção de ver tudo pela internet (forçar a barra) e melhor: lá não existe o NXT, o Michael Cole, o nariz do Triple H, etc. Querem motivos melhores ?

Começam cânticos de “Brasil! Brasil! Brasil!”

John Cena: Lá, eu não luto e vocês não tem de aguentar minhas promos!

Ouvem-se foguetes de comemoração!

John Cena: Vocês não precisam gastar seus dinheiros, pois não há merchandise e pay-per-view’s.

Público grita: “Brazilian wrestling! Brazilian wrestling! Brazilian wrestling!”

Promo 4:

Hey você, é, americano, você mesmo. Muito ocupado sentado em seu trono de rei do planeta Terra? Muito ocupado fudendo com a vida de outras nações apenas para poderem dizerem para si mesmos e para seus paga-paus o quanto vocês são fodas? É americano, eu estou ofendendo seu país, eu poderia te agradar, falar do meu país e passar a imagem que ele sempre tenta passar, de país das bundas, carnaval e futebol, mas eu estou te ofendendo, eu estou te ofendendo porque os brasileiros também pensam. Tanto pensam, como lutam. E melhor do que vocês, inclusive, basta ver a UFC, vocês sabem que os brasileiros destroem com qualquer outra nação no quesito luta. E no pro-wrestling não é diferente. Mas por que então o Brasil não é um país de expressão mundial no pro-wrestling, vocês perguntam. É porque não tivemos a chance, como os mexicanos tiveram, de mostrar nosso talento para vocês, pois se tivéssemos, seria como a UFC é. Pois nós, os brasileiros, somos muito mais do que mulatas seminuas e futebol. E então, americano, você vai descer do seu trono ao menos uma vez, ou vai continuar preso no seu mundo como sempre faz? É, americano, isso é o que você faz, você ignora as coisas nas quais vocês não são bons, o futebol é um bom exemplo disso. O que foi, americano, você está zangado? Não é essa a intenção. Mas é que o único jeito de vocês darem algum valor a outro país é quando ele ofende seu orgulho. Mas não precisa nos atacar com bombas, simplesmente nos veja lutar, veja wrestling brasileiro, e você verá que valeu a pena. Se você vai nos achar bons ou ruins, bom, não posso fazer nada, mas veja o wrestling brasileiro, não seja um americano idiota, dê chances para o resto do mundo. Dê chances para o Brasil. O mundo agradece a menos um ato de ignorância.

Tema 3: “Vince quer dar um push a um wrestler e torná-lo sua nova superestrela. Quem ele deve pushar e por quê?”

Promo 5:

Ted DiBiase – Mulheres, dinheiro e fama, tudo isso remeteria ao sucesso, mas esse sucesso não é por puro preconceito de ser filho de um dos maiores lutadores de todos os tempos e quem sabe o melhor Manager da história. O cara tem tudo para carregar o título mundial da empresa de Vince, um excelente move-set, mic skills excepcionais que colocam qualquer The Rock no chinelo e além de um finisher devastador, uma Manobra de Submissão que realemente pode ser usada para finalizar seus oponentes(não como um dos headlocks do Orton), ou seja, ele pode levar desde um Singles Match até uma Submission Match que não sairá devendo. Seu carisma é incrível, mesmo no Mid-Card ele consegue cumprir o seu papel de Heel e ser um dos mais odiados da empresa. Além de tudo isso, para ser uma superestrela na WWE é preciso um bom porte físico e por essas e outras que The Million Dollar Son deve ser elevado ao Main Event o mais rápido possível, ao invés desses caras pequenos como Bourne, Bryan, Kaval e Rey Rey que podem até lutar muito, mas não metem medo à uma formiga. Ted já lutou contra os melhores e já venceu os melhores, e como diria o glorioso Ric Flair “To be the best, you got to beat the best”, sendo assim não há ninguém nesse momento em melhores condições que DiBiase para ser o novo Top Heel da WWE e porque não, estar no Main Event da Wrestlemania disputando um dos títulos mundiais ou até tentando quebrar a Streak de Undertaker, onde após a saída de HBK é o único capaz de obter tal feito.

Promo 6:

ANO DA CONVERSA: 2002

– Vince, Vince, meu nego, chega aí. Fiquei sabendo que está querendo transformar um lutador em uma lenda, dando um push a alguém do roster atual. É meu velho amigo, como sempre, durante todos esses anos de parceria, você achou a pessoa certa, novamente. Lembro-me como se fosse hoje quando indiquei a você aquele gigante da argentina, o Gonzalez, o qual tremendo sucesso obteve em Wrestlemanias, e o que dizer dá minha criação lendária da storyline envolvendo Kane e necrofilia? Ráááá, que idéia fantástica, não é? Fez um sucesso tremendo com a imprensa especializada. É, meu querido amigo, o tempo passou e creio que novamente vou leva-lo a glória, pois tenho o nome certo para ser o grande sucesso da WWE nos próximos anos… Seu nome? DAVE BATISTA.
Esse Batista luta com uma sagacidade incrível, já desempenhou papéis fantásticos nas empresas de desenvolvimento, como o mítico Leviathan, e pelo muito que conheço desse desporto, ele não deixa nada a desejar para as superestrelas do presente e irá tornar-se um dos maiores lutadores dessa década, quiçá da história. Conheço um bom lutador só de olhar pra cara do sujeito, e pode confiar, é difícil encontrar atualmente algum wrestler disponível com tamanha técnica, força, habilidade e seriedade no trabalho. Batista tem força e, o mais importante, sabe atuar frente às câmeras…
Pense só Vince, essa cartada é supimpa, ganharemos rios de dinheiro vendendo roupas, utensílios e qualquer bugiganga sem valor e utilidade alguma com a cara do Batista, que fãs enlouquecidos comprarão aos montes, e as mulheres se rasgarão enlouquecidas a cada close que a câmera fazer no semblante da nossa estrela. Lucraremos muito com esse push do Batista, e é isso que importa, não é meu caro? Ninguém liga se o cara vai lutar bem ou não, o colocaremos na frente das câmeras e PAAAAM! Sucesso certo… Mas pode ficar frio também, pois como disse antes, ele luta uma barbaridade, que desenvoltura, que graça, que leveza, que golpes majestosos, que… ai ai, que wrestler fantástico…
Então Vinção, meu chapa, vai na minha e fique tranqüilo, me diga quando dei furada com você? Você sabe que pode confiar nesse velho lobo dos ringues, que passou por muita coisa nesse ramo, e sabe distinguir um bom lutador de um trapo qualquer.  Se quiser um bom lutador para torná-lo sua mais nova superestrela, esse lutador é Batista. Já posso sentir seu nome sendo gritado pela multidão, já o vejo como o novo Hulk Hogan, ou o novo Ayatollah.
É isso então Vince, voltamos a conversar… Aliás, tenho uma genial idéia que estive elaborando que envolve um anão irlandês, uma velha grávida e um wrestler rapper, mas isso é assunto pra uma próxima conversa.
Abração Lekão, de coração…

______________________________________________________

E é isso aí, minha gente. As 6 promos estão em votação(no mesmo dia que Serra vs Dilma, hum…), e vocês terão até 7 de Novembro para votarem. Façam suas análises, comentem, e se divirtam. Ah, e segue abaixo uma preview do quarto e penúltimo desafio.

__________________________________________

Não esqueçam de me seguir no Twitter:

http://www.twitter.com/JáUseiEssaPiadaAntes

Anúncios

14 comentários em “King of the GRTR Tournament: Round 3/Post 2

  1. Muito legal as promos, todos fizeram um bom trabalho…

    Agora é deixar o povão votar para chegarem em um ponto comum. Espero passar, porque tá muito legal esse quadro, e fiquei curioso sobre qual é o próximo desafio….

  2. Para tudo… Antes de falar algo sobre os outros, sobre a ideia pro outro challenge e tal… QUEM ESCREVEU A PROMO 5 TAVA ZOANDO NÉ?? Não vejo praticamente NADA do que ele disse no Ted di Biase… E ele ainda é contra pequenos no ME… Se a pessoa tiver zuando, belezinha, agora se tiver falando sério… Tem que rever URGENTEMENTE seus conceitos e enxergar o real Ted di Biase e não inventar um cara foda que não existe!

    E só quero ver quem passa e quem vençe a writing challenge pra chegar na final!

  3. Votem em mim!! (mesmo não sabendo qual é a minha :P)

    Bom, brincadeiras à parte, espero que vença, e avance para as Semi-Finais e quem sabe, disputar a Final e me glorificar como o King Of The GRTR! (Eu posso sonhar um pouco).

    E as Promos estão ótimas!

  4. Olhe não sei quem vai ganhar dessas promos mas todas foram ótimas,se o Vince visse essas promos ^^

    O importante é que para as semi-finais todos merecem,ótimos textos

  5. Quem escreveu a Promo 6 deve ter bebido mijo de gato antes!!?! Era para escolher um cara para dar um push, o cara volta no tempo e inventa uma história nada haver de alguém que fez um sucesso absurdo na WWE!! Assim até minha avó faz a porra da promo!!

    • Nuss ow, menos, a promo não teve data certa marcada, e foi construída muito bem, porque faz brincadeiras com alguém que só dá conselhos errados pro Vince, pode ver que só tem histórias e pushs ruins, e no final também faz graça com futuras storylines ruins. Eu achei bom!

  6. Ficaram bom demais as promos, votei na 2,3 e 6. eu ri da 6 kkkkk, bolou bem, muito boa. a 2 é outra que ri, muito boa tbm, e a 3 foi criativa pacas. Acho que as 3 que falei passam, mas tods ficaram ótimas.

  7. A promo 4 fico estranha…o cara se preocupou mais em meter o pau nos EUA do que convence-los a assitir LLN…

    promo 6 foi a melhor…parabéns pra quem fez…

  8. A melhor sem dúvidas foi a terceira, foi Genial!! Eu não estou muito seguro de que vou passar, por dois motivos, primeiramente por falha minha que deixei pra fazer no último dia e não consegui me expressar totalmente, além da promo do meu oponente ter ficado muito boa e segundo porque eu peguei um temanão tão favorável, já que eu tinha ideia pros outros dois menos pro meu kkkkkkkk, mas boa sorte pra todo mundo que passar!!!

  9. Não pude votar, mas meus sinceros parabéns às promos:
    1 – pela seriedade e profissionalismo
    3- pelo humor desenvolvido, que muito se assemelha ao stand-up
    6- por TUDO! genial mesmo, sou fã de quem escreveu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s