Why so wrestling? #1 – Vida de Jobber

Meu artigo de estréia, ainda sem um banner legal, eu, Criador Livraise, vos escrevo pela primeira vez neste blog! Sinta-se a vontade para comentar, discordar, me criticar e etc!
https://getreadytorumble.files.wordpress.com/2012/01/sem-tc3adtulo-21.jpg?w=640&h=256
As vezes me chamam de perdedor, loser, derrotado, e ainda pra finalizar a humilhação me chamam de brasileiro, e os que me odeiam ainda mais me chamam de flamenguista. Mas é da boca pra fora, eles não sabem de nada… Eu sei que eu já venci na vida! Porra, quem nunca tiver zerado Super Mário tem que se matar, não é possível… E é foda, porque no final de Super Mário não vem escrito WINNER pra te dar um apoio moral e psicológico, não… Vem ele com a princesa gostosa te lembrando que você é um merda que está sem mulher, e o máximo que vai ver é um fanfic da princesa…

Aliás, Super Mário é um jogo que eu nunca entendi, foi feito no Japão e os personagens são… Italianos? E onde o jogo fez sucesso? Nos Estados Unidos. Pra onde a Yoshi vai quando você joga ela fora? Pro Brasil. Por que pro Brasil? Porque é o cu do mundo. Tão certo que o Brasil só manda merda para os outros paises. Não foi dia desses aí que a Ivete Sangalo estava no Madison Square Garden? Mas faz mais sentido o Super Mário ter personagens italianos, porque na verdade tudo ali é uma máfia. Temos as tartaruguinhas que são os capachos da família Koopa, os chefões do castelo que são os capos, e o Don Bowser Koopa, sempre perseguindo o encanador. Mas a culpa foi do Mário, por que diabos ele tinha que ter ido se esconder atrás do armário?…

Mas pensa só se no Super Mário os personagens fossem japoneses? Até tem a máfia japonesa, a Yakusa… A chinesa deve ser a Chamitusa… Mas bem, se fossem personagens japoneses não seria a mesma coisa. Primeiro porque o Mário seria um kamikase, segundo que a princesa ia conseguir escapar sozinha graças ao Kung Fu dela, e terceiro que o duelo final seria a Yoshi contra o Mário, a coitada é simplesmente o maior jobber do mundo dos jogos. Quantas vezes você já sacrificou a coitada pra passar de fase? … Seguindo esta linha de raciocínio eu posso concluir que os bookers da WWE ainda jogam Super Mário. Sim, não é possível, as vezes eles simplesmente jogam o idiota no abismo pra poder  continuar a história, e acontece exatamente o mesmo que acontece no jogo, sabe o quê? Você precisa da maldita da Yoshi. Pra quê? Pra sacrificar de novo!

Recentemente temos visto alguns casos bem parecidos, por exemplo, a WWE resolve dar um push para algum wrestler, porém este wrestler está em tag team, e todos nós sabemos que ninguém é comunista o suficiente pra ficar dividindo a glória, a WWE resolve acabar com a dupla. E no que resulta? Em derrota para ambos os lados. Um bom tempo atrás, a altura da WrestleMania XXV, ocorreu uma ironia. Tinham duas duplas em rivalidade, Cryme Tyme vs. John Morrison e The Miz.

Após a WrestleMania, Morrison teve seu face turn, e foi para o SmackDown, enquanto The Miz seguiu como heel e foi para a Raw. Na época, TODOS falavam o seguinte: John Morrison vai se dar bem, sabe lutar, The Miz não tem muitas habilidades in ring, logo logo vai ser demitido ou vai se aposentar no midcard… E aqui mora a ironia, desde lá até hoje, The Miz teve muito mais destaque do que Morrison, e atualmente é o Mr. Money In The Bank, ou seja, a qualquer hora ele vai ser o novo WWE Champion, mas a ironia não reside aí, e sim no fato que nenhum dos dois foram demitidos e atualmente estão se dando bem na empresa.

Mas como o mundo é uma bola, se fosse duas seria a Fafá de Belém… A “Cryme Tyme” seguiu seu rumo como tag team, mas logo se desfez. Resultado? Desde então eu quase não os vejo… Nem sei qual foi a intenção, se era pro JTG ou pro Shad ter o push, mas o resutlado é que caíram no esquecimento e na inutilidade por parte da equipe criativa da WWE, e agora como resposta disto já liberaram o JTG, ou melhor, demitiram-no! E se não bastasse, e o que mais me faz pensar que os caras da WWE ainda joguem Super Mário, eles não se contentam em pegar apenas um cogumelo e zerar o jogo apenas com as 5 vidas iniciais… Não, eles querem é pegar tudo que a fase oferece. Se vai demitir um, demite logo outro inútil junto, de preferência que ele esteja em tag, assim damos um push para o outro, e lá se vai Caylen Croft, ou seja, terminamos aqui com mais uma tag team – não que eu me importe com elas. Entretanto Trent Barreta vai seguir carreira solo, certo? E vai dar certo??? A WWE começou com um push para ele no Superstars, aquele show de rating vergonhoso e que ninguém assiste, apenas os fanáticos… Quer saber se alguém é fã de carteirinha da WWE, é só ver o main event do último superstars e perguntar pro seu colega o que ele achou de tal luta… Se ele souber, a resposta é óbvia.

Pra encerrar, tanto o artigo, como a carreira do pacato cidadão, pacato da civilização, agora eles terminam com mais uma tag team. Novamente, estou pouco me importando para a divisão de tag teams, está no limbo mesmo, não vai ser uma tag team qualquer que vá salvar a situação. Mas estou preocupado agora é com o futuro de David Hart Smith e Tyson Kidd. Eu acho um erro separá-los, por mim continuavam para sempre, criando aquilo que a WWE não tem atualmente, uma tag team com curriculum, que tenha histórico juntos, e o público não consiga imaginar a imagem de um sem o outro. Contudo, este turn pode significar que um deles irá cair no ostracismo, e em breve no limbo, e como eles possuem até qualidades no ringue, a situação de um deles pode piorar ainda mais parando na TNA. Até porque, se dependesse da TNA, eles contratariam o Bret e o Jim Neidhart.

Anúncios

24 comentários em “Why so wrestling? #1 – Vida de Jobber

  1. Ótimo texto cara! E bem-vindo ao Blog! 🙂

    Bom, achei meio estranho essa explicação do Super Mario no começo do artigo, mas depois foi revelado o porquê dessa explicação… a WWE parece que é louca, isso se já não for. Às vezes faz coisas boas, mas passa um tempo e faz uma cagada explêndida, sem vc saber pq fazer isso. Como a TNA tbm está fazendo atualmente. Faz uma coisa boa ali, outra acolá, mas acaba sempre cagando em outros pontos.

    Voltando… Agora mesmo, eu não acho que exista Tag Team mais na WWE, e aposto todas as minha fichas que não vai existir Tag Team que preste (no sentido que eles tenhão uma química juntos, que saibam fazendo Promos, e principalmente, entretenham o público presente) durante uns 5 cincos anos e olhe lá!

    E deixando o assunto, vi que tem um pequeno erro ali, quem foi demitido à uns dias atrás, foi o Shad Gaspard e não o JTG! 🙂

    Bom, continue assim! E espero outros textos cada vez melhores! 🙂

    • Valeu Rickie SCSA, e é mesmo, eu reparei isto depois relendo a postagem, mas como sou novo no blog, não dá pra editar os meus próprios artigos. 😀

  2. Eu gostaria de fazer o banner pro seu quadro, chapa Criador(chapa porque Maker é criador em inglês, hehe, deixa pra lá), mas eu queria saber qual exatamente é a “gimmick” do seu quadro. Ele falará de assuntos diversos, específicos, o quê?

    E bem vindo ao GRTR!

    • Olá Maker rsrsrs, pow, vai ser nesse estilo aí que vc acabou de ver! 😀
      Se vc puder, faz com microfone, estilo stand up comedy, e do lado o Stand Up, sei lá, aí é contigo

  3. Bom criador, e bem vindo 😀

    Texto bom, no começo, como Ricke disse, fiquei confuso do porque de falar tanto do Mário, achei até que fosse uam coluna dizendo sobre jogos e tal, mas no final, entendi bem o porque disso, algo bem ligado. Acho que pdoeria até ter falado um pouco mais da tag division, da ligação e tal, mas tá muito bom.

    Agora com tudo pronto, pode editar e se sentir livre pra postar muito, quanto mais melhor, pena que alguns nem ligam pro blog e não tem a cara de pau de sair, mas isso é outra coisa…

  4. Perfeito o texto, curti a relação entre Super Mario e o os Jobbers, o que acontece com o Morrison realmente é injusto, ele é infinitamente melhor q o Miz, enfim, bem vindo ao clube !

  5. WTF?
    Mas quem ser esse elemento que surgiu do nada no blog?
    Você é um espinha do Gustavo que cresceu demais e começou a ser associada com um tumor e foi retirada se tornando colunista?

    • Obrigado, as vezes quando eu estou pensando sozinho a viagem é louca por si só. Sobre a sexualidade da Yoshi, pensa em, quem dá ovo é fêmea, a Yoshi dá ovo…
      A Yoshi é feroz, cospe fogo, mata criaturas indefesas…

      Tudo o que representa mulher.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s