Gustavo Ride – Situação dos títulos (WWE)

E ai, sentiram falta do Gustavo Ride? (NÃÃO :P) Dessa vez venho aqui com uma ideia que veio do nada, que é dar minha opinião e falar sobre as condições dos titles na WWE e TNA. Veremos se melhorou de um tempo pra cá, onde muitos reclamavam do mal aproveitamento dos títulos secundários, o que está mal, o que está bom, etc etc. Começarei pelos titles atualmente na WWE. Bem, se quer ver direito como será, segue ai!

Então, andei pensando nisso, de como o pessoal a um tempo reclamava dos títulos secundários na WWE, agora reclamam do tag title da WWE (ainda existe esse título perdido ai?) e de como as coisas mudam nesse quesito, basta termos dois ou três campeões bons e de respeito.

Levando isso em conta, abaixo farei uma mostra do que acho de cada um. Do atual campeão, o possível futuro dele, contenders, se melhorou, piorou, e tudo mais.

Títulos da WWE

O título com mais prestígio e com uma das maiores histórias. Não vem sendo tão importante, pois a feud envolvendo a Nexus, o deixou meio apagado, apesar que quando Barrett começou a correr atrás do título, ele voltou a ter relevância alta. Agora parece que ele ganhará “ares novos” nas mãos de Miz, mas este não parece que terá um grande reinado, nem em qualidade e nem em tempo, isso porque em plena road to WM, a WWE sempre põe alguém já consagrado e “grande” para estar com o title para lutar no Wrestlemania.

Miz é alguém que muitos devem ter gostado de ver como champ, inclusive eu, mas que acho que, assim como Sheamus, terá um primeiro reinado pífio, ainda mais com a ideia de o colocarem como um campeão fraco, imaginem, se ele teve que vencer um velho praticamente aposentado por meio de ajudas externas, imagina quando pegar algum cara como Orton ou Barrett com a Nexus ao seu lado. Pois é :S

Num geral o título melhorou, pois antes não saia de Orton, Cena e HHH, agora já o temos com Miz, esteve recentemente com Sheamus e pode aparecer nas mãos de Barrett (difícil, mas não impossível). Tivemos reinados bons para um nível WWE, mas ainda pode melhorar, já que vem devendo um pouco nas qualidades da luta em si. Num geral, está bom!

Esse talvez seja o title que esteja melhor na WWE. Isso porque além de ser muito bonito, está tendo, nas mãos de Kane, um dos melhores reinados em anos na WWE toda e recebendo o devido valor nos programas semanais e nos PPV’s.

Kane venceu a maleta, usou na mesma noite em Mysterio, depois defendeu o title contra o mesmo Mysterio, reteu TRÊS VEZES contra seu todo-poderoso irmão Undertaker, o enterrou e agora está numa feud interessante com Edge. Ok, os combates não foram dos melhores, mas só sua mic-skill e suas promos, já valem por tudo.

Acredito que Edge vença o título, ou no TLC ou no RR, e espero que o honre como Kane fez, já que o WHC está, num total, muito bom, com feuds boas, lutas nem tanto, mas com belos reinados. Num geral, ótimo!

Esse é outro que tem uma história imensa e linda na WWE, mas que, até a pouco tempo, estava as moscas, com reinados fracos, sem emoção. Mas ai veio Jericho e Mysterio, Morrison e depois Ziggler, que está com ele a um belo tempo, e, diferentemente dos citados acima, está fazendo lutas cada vez melhores, basta ver ele contra Kaval no SS.

Com isso, o título ganhou uma sobrevida e está tendo bela importância na WWE, ainda mais porque, mesmo com um champ a um bom tempo, temos vários e vários contenders que podem pegá-lo a hora que for que não será exagero. Drew McIntyre, Kaval, Cody Rhodes, MVP (ops :P) Christian quando voltar…

Resumindo, estou feliz com a situação do título agora, porque é um que eu, particularmente, gosto muito, e tem uma história incrível, além de representar o papel de prepulsor pro ME. Ziggler como campeão está muito bem, mas pode passar pra outro, para que ele possa até subir pro ME, ou pelo menos ter uma feud grande, pra provar mais ainda sua mic e ring-skills. Num geral, ótimo!

USA title. Antes de Daniel Bryan, tivemos reinados do Miz, um tapado por ele estar com o tag title e com sua tag ShoMiz (que por sinal era bem legal) e outro por ele estar com sua maleta da MITB, mas pelo menos ele serviu pra passar o título pro Daniel de maneira credível e acabar de vez a bela feud que vinha desde o NXT!

Agora com Bryan, o nível de luta aumentou (até porque, estamos falando DO cara né), ele teve uma bela feud e lutas com Miz, e uma feud interessante com o Ziggler. Agora defendeu seu título contra o Ted Di Biase e não sei se tem algum contender a altura, mas sei que pelo menos voltou a dar prazer em ver esse grande título a ser disputado, pelo menos ele voltou aos PPV’s, já que teve épocas que tínhamos 4, 5 PPV’s sem presença dele no card.

Acredito que ele retenha por mais algum tempo o título e depois perca pra alguém ai, algum mid card que mereça, e ele possa subir mais na empresa, pois ele mereçe. Agora imaginem uma tag dele e do Bourne com os tag titles? *-*… Sonhos. Num geral, muito bom!

Aqui temos o grande defeito da WWE. Achei certa a unificação do título, e até mesmo estava num nível bom a feud por ele envolvendo Carlito e Primo vs Morrison e Miz (tag division tão mal que nenhuma dessas tags existem mais, e isso porque passaram-se apenas 1 ano e meio) e depois estava aceitável com as tags do Show lá, mas ai… Hart Dynasty pega o título, e, de tão desprestigiado que está, eles recebem o novo cinturão, num programa qualquer, num segmento que o Bret entrega, e sai fora, pra logo depois perderem o título pra Nexus e a tag se desfazer.

Ok, e qual o futuro do título? O mais obscuro possível, já que temos de tag no momento The Usos, Nexus que nem tag é direito e deve ter mais uma por ai que nem lembro. É, realmente enquanto temos tags tão fodas na TNA e ROH, a WWE não tem, e não tem algo legal porque não quer, é só formar uma tag com dois bons caras, dar nome e identidade a eles, além de tempo, assim como fizeram com Morrison e Miz. E claro, desde a FCW começar com tags já montadas, pra ter toda química, identidade e tudo mais.

Não vejo uma melhora em curto prazo nessa divisão, e vejo que o título ficará ou estagnado com alguém sem defendê-lo, ou será rodado por todas as tags de três meses da WWE. Num geral HORRÍVEL, PÉSSIMO, RIDÍCULO, VERGONHOSO…

Olha, aqui poderia ser a hora deu meter o pau, MAS como o artigo é sobre o título em si, e não a situação de Divas num geral, terei que elogiar, isso porque as moçoilas Layla e McCool, mesmo tendo um title dividido de um jeito estranho e mal-explicado, fizeram um belo reinado heel, com roubos e mais roubos, zuação atrás de zuação e combates bons pro nível baixíssimo da WWE.

Agora que elas perderam pra Natalya, acho que ambas entram em feud contra Phoenix sozinha e Natalya continua seu reinado por um bom tempo, ai é só ir pro Raw e dar chances pras mulheres de lá também, como Maryse e Melina, que mereçem.

No final, espero que mantenham esse nível que já foi bem pior, que não está ideal, mas não está tão ruim, num geral, bom.

É isso, a primeira parte acabou, depois falo sobre os titles da TNA. Lembrando que os bons, ruins, ótimos e tudo mais foram dados segundo o nível WWE, porque se fosse dar segundo um nível alto de indys e tal, seria tudo ruim, e sabemos que não podemos mais esperar um mar de rosas por parte da WWE né!

Comentem e digam o que acharam, além de dar o seu nível de bom, ruim, ótimo dos títulos atuais!

Anúncios

21 comentários em “Gustavo Ride – Situação dos títulos (WWE)

  1. Ótimo Gustavito! Belos comentários! 🙂

    Bom, a WWE esse ano, em relação a “Era PG”, parece que se identificou num estilo apenas de Entretenimento, mas com belas lutas Feuds e tudo mais… Claro, não foram AQUELAS LUTAS, AQUELAS FEUDS, mas foram bons, em relação ao ano passado, quando começou com essa era (Aliás, O PIOR ANO DA HISTÓRIA DA WWE… HORRÍVEL!).

    O WWE Championship, se desvalorizou muito nesses últimos anos. Vemos que só tinham Orton, HHH e Cena, disputando-o, sem falar que, quase todos os PPVs tinham como ME o WHC!
    É certo

  2. Ótimo Gustavito! Belos comentários! 🙂

    Bom, a WWE esse ano, em relação a “Era PG”, parece que se identificou num estilo apenas de Entretenimento, mas com belas lutas Feuds e tudo mais… Claro, não foram AQUELAS LUTAS, AQUELAS FEUDS, mas foram bons, em relação ao ano passado, quando começou com essa era (Aliás, O PIOR ANO DA HISTÓRIA DA WWE… HORRÍVEL!).

    O WWE Championship, se desvalorizou muito nesses últimos anos. Vemos que só tinham Orton, HHH e Cena, disputando-o, sem falar que, quase todos os PPVs tinham como ME o WHC!
    É certo que ainda vemos esses caras disputando o Title, mas com outros “Novatos” envolvidos… Agora é só esperarmos pra ver… E crer!

    O WHC nem temos o que, em pelo menos 3 anos, tivemos só Feuds fodônicas, algumas nem tanto, mas nada que descredibilize o Title… Hj mesmo, vemos o Kane “se revoltando”, tirando aquele monstro que ele tinha dentro de si… Se esforçou ao máximo, tá fazendo Promos que poucos sabem, e fora que tá tendo um reinado excelentíssimo!

    O IC, um dos importantes, se não me engano, era o 2º mais importante na era “Old School”, até 97, 98, sei lá… Um title importante, e poucos o valorizam… Vem tendo muitos protagonistas, belíssimos Champions, mas o único mal nisso, é que a maioria das disputas são nas Open Card de PPVs! 😦

    O USA, sem querer falar mal, antes do Bryan como Champion, poucos fizeram o Title vaer a pena… Preferia nem comentar!

    Chego na parte mais RIDÍCULA do meu Comment, desculpe, mas é FATO! A WWE nem liga mais pra Tag faz um tempo já. Achei ruim demais aquela Unificação na WM25. Tá, foi bom pra dar um clima à mais, porém, se esses Titles fossem desunificados novamente, seria uma boa… O que não acabou acontecendo… tivemos um reinado excelente da Jeri-Show, depois a volta da DX com os Titles, ai vimos o Show fazendo outra Tag e ganhando novamente, e veio o Face-Turn da HD e depois… NADA! SEM MAIS! (Plagiei mesmo! :))

    O Divas, acho que foi bom unificar… Se 5 anos atrás, era apenas 1 Title pra várias Divas, tava tudo às maravilhas, pq não hj?? Eu investiria nisso! Só achei que o nome do Title deveria ficar como “Womens Championship”… O nome que ficou imortalizado por mais de 50 anos!

    Bom, eu acho que é só isso! 🙂

    E continue assim Gustavito! 😛

    • O problema em deixar os tag titles desunidos é: se com UM, não tem contender e campeões a altura, imagina com dois. E sem contar espaço, mal tem pra um,imagina pra dois. É isso né!

  3. Bom texto do parça e na TNA eu diria que vc terá q inventar uma categoria a mais além do ótimo pro tag team titles e uma categoria abaixo pro tags de KOs, sem falar q o Television tá fraco…

    Enfim, esperemos até semana q vem…

    • Foi o que disse no meu twitter. Todos esses adjetivos ruins pro tag title se multiplicaram por 1000x depois da vitória, ainda mais com um finisher como Kobra né :S E depois falam que a WWE quer passar mais realidade pra coisa, com um finisher desses? NUNCA PASSARÁ…

  4. Não consigo ver motivos lógicos para a WWE não investir nas tags. Será que eles não conseguem fazer dinheiro com elas? Acho difícil acreditar nisso, pois pelo que parece a TNA consegue lucrar bastante com as suas tags.

    Já vi a WWE em estado pior. Acho que aos poucos as coisas vão melhorando… Belo texto, amigo!

    • Você não ve motivos porque não tem amigo, simples assim 😛 A TNA investe e lucra, a ROH também, e é só fazer como os American Wolves, tag enquanto um luta pelo ROH world title e o outro é ROH tv champ. Não vejo como não por tags boas, não é difícil…

  5. Meio atrasado, mas vamos lá.

    WWE Championship – É o título mais prestigiado da companhia aconteça o que acontecer. Por muito tempo tivemos o World Heavyweight Championship muito over, principalmente durante as ótimas feuds de Edge/Undertaker e Shawn Michaels/Chris Jericho, mas nunca achei que o WWE Championship tenha sido desmerecido de verdade. É óbvio que o título não tem mais aquela expressão, mas continua tendo um bom status. Se formos analisar bem, Sheamus teve um reinado de 3 – 4 meses que foi bem interessante, enquanto Orton teve um de 2 meses que foi, apesar de curto, entertaining. Com o Miz, a tendência é a situação ficar como Orton – reinado curto mas bom. Então, acho que o título está bem, obrigado, mesmo se aproveitando do prestígio e da história que tem a mais que o “rival”.

    World Heavyweight Championship – Nos últimos tem se destacado na federação, com ótimos nomes sempre aparecendo para disputá-lo e principalmente com as feuds que foram apresentadas em relação a ele. Os reinados de Kane, Edge, Undertaker e Chris Jericho são alguns dos que podemos citar como ótimos da federação. Mas sempre vai ficar faltando algo para ser considerado “o título” da federação. Acho que é mais por conta da pouca história que tem, afinal, foi lançado quando o Brock Lesnar decidiu defender o WWE Championship apenas no SmackDown. De toda forma, está muito bem e pode continuar assim por muito tempo, basta dar o cinturão aos homens certos. Nada de invenções mirabolantes nem monotonia. Coerência.

    Intercontinental Championship – Não acho que esteja todo esse mar de rosas. Passou alguns PPVs de fora do card e isso acaba prejudicando a imagem do título. E também precisamos considerar que desde o reinado de Rey Mysterio, o título vem em pura decadência. John Morrison, que não tem personalidade e nunca mereceu o push que tanto vivem cobrando para ele, fez um reinado ruim como campeão. Drew McIntyre melhorou um pouco a situação, mas mesmo assim não foi tão bem. Kofi Kingston? Melhor nem falar. Mas ainda acho que Dolph vem fazend oum trabalho bom e que pode melhorar novamente a situação do cinturão. Basta receber boas oportunidades como eu espero que receba.

    United States Championship – Sempre achei que esse era o primo pobre do Intercontinental Championship. E mesmo sendo, fico impressionado com o ótimo trabalho que a WWE fez nos últimos meses para valorizar o cinturão. Miz recebeu um título desvalorizado e apagado de Kofi Kingston em 2009 e acabou por transformá-lo em um dos maiores tesouros escondidos que a WWE possuía. Foi em cima desse cinturão que o novo WWE Champion (o qual eu critiquei duramente, mas que hoje me rendo ao seu talento) criou sua personalidade renovada e conseguiu mostrar que era um lutador digno de push, diferente de seu ex-parceiro de tag-team. Apesar de alguns percalços, como Bret Hart e R-Truth como campeões, o título acabou voltando a Miz e depois parando nas mãos do excelente Daniel Bryan, que tem tudo para manter esse reinado ótimo que vem fazendo.

    WWE Tag Team Championship – Extremamente desvalorizado e dispensável aos olhos da WWE. Temos três tag-teams ativas na WWE, sendo que uma é totalmente non-sense (e é justamente a campeã), então não dá para esperar muita coisa vinda do lado da Big E. A tendência é que a situação não melhore, então não tem nem muito o que falar.

    Divas Championship – Está muito bem, obrigado. Apesar dos combates curtos e de alguns serem meio que sem sentido, a Simply Flawless fez um ótimo trabalho com o cinturão a partir de sua gimmick (que é cópia da Beautiful People, mas o negócio vive de cópias. Que dirá o Ric Flair…) e entregou uma batata quente nas mãos de Natalya. Espero que ela saiba lidar com a situação e manter o título over como vimos nos últimos meses. Afinal, ela é a grande lutadora da divisão feminina, então que esperemos algo bom dela.

    De resto, bom trabalho.

  6. Bom texto Gustavo, mas olha, uma coisa que você disse no fim do texto e eu discordo é você dizer que isto é comparando no nível WWE, pois se fosse no nível Indys seria muito pior… Como assim cara? A maioria dos títulos de indys não valem nada, se você chegar na WWE e dizer que já foi campeão de uma federação independente lá da Rússia, o cara vai falar: -WHO? São poucas as federações que tem prestígio pra se falar em cinturões…

    E bem, sobre os cinturões, a situação é bem dessa que você disse, eu só discordo com o título de tags, eu particularmente não dou muita importância para título de tags, nem para tags. É de mim, eu gosto mais de luta 1 a 1. Luta em tags não são as minhas prediletas, mas é claro, quando ocorre uma boa, há de se salientar que foi uma boa luta. Mas po, outra coisa, os caras que tão na WWE eles preferem fazer sucesso individualmente do que em tag, ou seja, rola uma pressão básica… Se é pra fazer sucesso, que seja sozinho, não em tag… Os que já fazem sucesso, não formam tag porque a equipe criativa já os imagina em outras e mais outras rivalidades sem envolver tag… E assim o ciclo continua.

    Pra poder a divisão tag team melhorar, depende de muito mais coisas, depende de um booker fã de tag teams, depende de wrestlers com química para tag teams, depende de tag teams que encantem o público, pois eu mesmo estou desiludido há tempos e não me importo mais com elas. Porém sei que elas possuem sua importância para o wrestling.

    E quanto ao WWE Title, ele não está desvalorizado cara, não é porque o foco dsa atenções estejam sobre Wade Barret e John Cena que o título esteja largado as traças… O título se desvaloriza quando os caras começam a botar caras nada a ver como campeão e coisas do gênero. E pelo contrário, The Miz vai dar uma boa valorizada no título e irá mantê-lo por um bom tempo, pois de acordo com minhas análises, ele é capaz de levar a cinta até fevereiro mais ou menos, no Elimination Chamber, quando o cara que for lutar na WWE CHAMPIONSHIP MATCH na WrestleMania toma o título e arma sua feud. Já que segundo o que eu acho, Kane irá reter o cinturão até o Royal Rumble, e o vencedor da Royal Rumble Match irá pedir pela luta contra o WHC… Daí já viu né… Torcida por Undertaker ser o vencedor! \o/ Ou então Chris Jericho \o/ \o/ \o/ \o/

    • O nível WWE que me referi, foi o estilo WWE, porque em outras indys, o cara fica com o cinturão por muito tempo, é só lembrar na ROH onde o maior reinado, e que não faz tempo, tem mais de ano, foi nesse sentido, já que na WWE um reinado com o title principal por mais de 6 meses hoje em dia é algo raro e que só aconteceu com Kane, devido a lesão de Taker, por que se não fosse assim, o Kane já estaria sem o WHC.

      E tag é questão de gosto, você pode discordar da sua importância, mas não que o title está um lixo, po, um cinturão que tem o Marella, não tem como dizer que tá bom, mesmo eu respeitando o papel bom dele de entertainer.

      E o WWE title estava perdendo o valor, porque pra mim ele tem que ser o centro das disputas do Main Event, o centro MESMO, o cara ter aquela obsessão, e durante um tempo nem teve muito isso, tanto que quando o Sheamus ganhou a segunda vez o WWE title, foi no meio de uma confusão la que ele correu, pinou o Cena depois da invasão da Nexus e saiu, deixando na luta a Nexus mais importante que o title. Mas ok, isso foi por pouco tempo, agora a Nexus já tá no seu aparente fim, ou pelo menos focada SÓ no Cena, e Miz continua champ…
      Valeu pelo longo coment!

  7. Mesmo estando por fora de qualquer assunto relacionado a wrestling, não deixaria de ler o texto do Gustavo. Muito bom fresco, tinha parado por um instante, mas continue, continue mesmo, que mesmo não estando acompanhando a indústria, eu irei ler seus textos.

    Ótimo trabalho, Gustavo, pena que você não aposta, como escreve textos 😀

    Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s