And That’s The Bottom Line #3 – “E agora, Punk?”

Olá, Rumblemaniacs… Saudades? É faz um tempinho sem postagem minha, mas à partir de hoje tentarei dar uma motivada, e quem sabe postar dois textos por semana, ou um por semana, sei lá. Bem, hoje teremos um assunto um tanto polêmico que está circulando ao redor de CM Punk na WWE, a sua saída da empresa.

Se quiser, vá até a continuação do Post!

Bem, nesses últimos meses na WWE vimos rumores pela Internet, afirmações, possibilidades da saída de Punk da empresa, tudo por uma “justa” causa: Sua describilidade. Mas, que descridibilidade? Veremos isso agora… E se preparem, pois não tem boi nenhum, o texto é grande, até demais, mas essa história toda merece, e você deve gostar.. Então acompanhe tudo, prometo que não se arrependerão!

Há “muito” tempo atrás, Punk estreava nos ringues da WWECW, mostrando qualidade, serviço, carisma e já era apontado como um dos grande no futuro. O tempo foi passando, ele conquista o ECW Championship, o seu primeiro lá dentro, vai ganhando seu espaço na ECW, e “para” no No Way Out 2008, onde perde o ECW Championship para Chavo. Porém, o destino era grandioso à ele, até que chegamos no maior palco de todos os tempo, onde ele fazia história vencendo a Money in the Bank Ladder Match na Wrestlemania 24.

O primeiro passou rumo ao Main Event.

Mas paramos um pouco por ai, apenas pra retratar o quanto uma sequer luta com escadas, realizada na maioria das vezes, e com a maioria de participantes, com Mid, Low, Uppers Carders, pode levar este ser ao extremo, no topo da grande W. Isso aconteceu com Edge, virando Main Eventer de vez, RVD conquistando um World Title após anos na degola em pleno campo onde foi imortalizado, poderia ser assim com Kennedy, se Edge não atrapalha-se os planos, e por último tivemos Miz, que já é cogitado para ocuapar o lugar de Cena. Isso tudo mostra que quem tem a oportunidade de levar a maleta, tem a grande chance de ter o seu futuro garantido, o que poderia ser com Punk.

Punk, após ter vencido a Ladder Match, logo foi levado pelo Draft ao RAW, onde começaria os planos pra ele. Ficou seu tempo por lá, fez suspense com sua maleta, até chegar sua hora. E há exatos 3 anos, em 30 de junho de 2008, em Oklahoma City, Punk foi glorificado ao aparecer no Stage, correndo pela rampa ao lado de um Referee, e utilizando o poder de seu Cash-in, a qualquer hora, em qualquer lugar, e a vítima da vez foi Edge, que acabara de ser atacado por Batista. E em meio de milhares pessoas presentes na arena, Punk aplica seu GTS, partindo ao Cover, e fazendo jus o que todos presumiam, se tornando um Main Event.

Finalmente no topo...

Façamos uma pausa novamente. Naquele instante, para quem estava vendo, alguém pensou que Punk tornaria de vez um Main Eventer, simplesmente do RAW, principal Show da WWE? Eu acredito que sim. Punk tinha praticamente tudo em suas mãos, apenas na época não era tão bom ao microfone como é hoje, mas era certo que sua vez havia chegado…
…ERRADO! Sim, errado. Não apostaram as fichas nele, colocaram-o para Feudar com JBL, Batista, e por último Jericho (Isso tudo se não me engano), o que não agradou tanto nos pensamentos de Vince, estragando todo aquele momento de felicidade do menino que nunca bebeu uma cerveja.

Punk logo foi apagado das Mondays Nights, vendo que até meses antes, liderava aquele bando de caras correndo atrás do World Heavyweight Championship. Pra ver como a situação estava tão crítica para o seu lado, quando voltou aos planos, ganhou o World Tag Team Title junto à Kofi Kingston, em um House-Show, que não tem como ser televisionado. Mas dias sem passam, e começa um pequeno torneio para determinar um #1 Contender, em que Punk chega as finais contra Rey Mysterio, no Armaggedon, vencendo e assim tendo a chance de enfrentar Willian Regal.

Pare aqui… Nesse final de 2008, com Punk tendo uma chance de ser Intercontinental Champion, voltando ao Mid Card, e longe do Main Event, principalmente por já conquistar um World Title, e não ter agradado ao Booking do RAW, poderia ser reaproveitado? Será? 

Será mesmo?

Entramos no ano de 2009, ano que aconteceria o aniversário de 25 anos da Wrestlemania, que a WWE não poderia vacilar até o dia do Show. Eu, que não consegui acompanhar, apenas vejo vários comentários (Principalmente do Gustavo)dizendo que nesses meses antes da Wrestlemania, aconteceu o melhor Road to Wrestlemania, e Punk certamente, deveria estar ali, e estava.

Como eu não vi essa fase na WWE, não tenho o que falar, unicamente tenho a dizer das principais participações de Punk durante essa RTWM, começando por sua chance que conquistou no final do ano anterior. Pelo destino, Punk merecidamente conquista o Intercontinental Title, mais um cinturão em sua carreira, no começo do ano, e coincidentemente em sua terra natal, Chicago, Illinois… E ficando atento, essa parte do texto tem muito haver com o final dele.

Parecia até pouco pra alguém que foi jogado no vento...

Chegamos no Royal Rumble, em Detroit, Michigan. Punk não estava escalado para luta nenhuma, apenas ao Royal Rumble Match. Na luta ele foi o 18º lutador a entrar no ringue, e ficou pelo menos entre os 10 com mais tempo sem ser eliminado. Falou em eliminado? Sim, pois ele foi eliminado justo por Big Show, o último a entrar, então faltou pouco…

No dia 23 de Fevereiro, começava as lutas classificatórias para a MITB da Wrestlemania 25. Neste dia, CM Punk teve à frente nada mais nada menos do que uma das melhores Tags que já passaram juntas na WWE: The Dirt Sheet, em uma Triple Threat Match. Felizmente, ele conquista a chance, ainda como Intercontinental Champion, e tendo a chance de conquistar mais uma vez a Ladder Match… Mal sabia ele que faria história outra vez!

Se eu estivesse nessa época, eu nem daria a mínima por essa qualificação...

Mais ou menos duas ou três semanas após sua vaga, ele perde seu cinturão de Intercontinental Champion para JBL, em uma edição do RAW. No momento, aquilo não era algo para se preocupar, pois tinha algo reservado pra ele.

Ok, parando novamente.. Você você você você você quer?, vendo aquela RTWM, há apenas alguns dias do grande palco estar por vir, pensou seriamente que Punk poderia ter outra vez a maleta em suas mãos? Eu creio que não.

No dia 5 de Abril, em Houston, Texas, era o dia do grande dia. Sem dúvida alguma todos esperavam um dos maiores Shows da história da WWE, por se tratar realmente de uns dos momentos mais grandiosos de sua história, o que infelizmente não aconteceu, mas o foco não é na Wrestlemania, é o que Punk fez na Wrestlemania. Naquele palco, com quase 80.000 mil, pessoas vendo, abrindo o Card do Show, todos se surpreenderam quando Punk aplica um Kick em Kane em cima da escada, pegando e erguendo aquela maleta pela segunda vez, fazendo realmente história como o único que fez isso.

Ninguém esperava por isso... Nem mesmo o próprio!

Sei que muitos não gostaram, vai lá saber por que o Show não agradou, ou se outro participante da luta deveria ter ganhado, mas estava destinado à ele, era feito pra ele. Ah, que bom que chegamos nessa parte, pois foi onde eu comecei a acompanhar MESMO a WWE, assim chegando aos poucos pro Wrestling. Isso também me ajudou como saber o resto dessa história, já que lembro praticamente tudo nesse tempo de Blogosfera.

Tá, voltando ao assunto, Punk deveria ter algo para não ficar tão óbvio sua tragetória com a maleta, por isso, fizeram uma pequena Storyline (Que nem Storyline era…)onde Kane tenta se vingar por Punk acertá-lo jogando ele pra baixo. Nisso, é marcada uma Singles Match no Backlash 2009, onde Kane consegue a vitória e sua tão sonhada vingança.
Com Kane “vingado”, Punk segue sua vida, tendo que ter outra coisa pra realizar durante o tempo vago com a maleta. A única saída era Punk sair do RAW, o que foi feito durante o Draft 2009, onde ele migrou para a Brand azul.

Esse Draft fez muito bem pra ele!

 Logo que chegou, já fez um desafio até o então World Heavyweight Champion, Edge, que ele já tinha tirado esse mesmo Title. Neste desafio, se Punk ganhasse, poderia utilizar o poder de sua maleta e realizar o Cash-In após a luta. Incrivelmente, Punk ganhou de Edge, porém, ao tentar efetuar o desafio, Jeff Hardy, interfere pra atacar Edge, e Punk é atacado por Umaga, assim começando uma Feud. Logo no Smackdown à seguir, Punk tenta outra vez, mas novamente é atacado por Umaga, e assim é marcado uma Singles Match entre os dois no Judgment Day. E outra vez, Punk não arranca uma vitória. Até que chega às vesperas do Extreme Rules, onde é marcado uma Samoan Strap Match com Umaga, que ai sim, Punk leva a vitória… Mal sabiam os fãs para o que estava por vir.

Nesta mesma noite, acontecia o que ninguém esperava: Punk indo para o lado negro da WWE, e mostrando ali, que merecia tanto como ninguém uma chance no Main Event. Após uma lutaça entre Edge e Hardy, onde Hardy saiu como vencedor, Punk executa pela segunda vez um Cash-in válido, com perfeição, e conquista assim novamente o World Heavyweight Championship.

Isso doeu e me alegrou ao mesmo tempo, mostrando o impacto que Punk pode causar!

Logo um outro Contender vem à caminho, e nada mais justo que Hardy, a vítima, foi o escolhido. Vem PPV, passa PPV, e os dois fazem uma ótima Feud, uma das melhores de 2009, que foi o auge de Punk, onde ele começou a conquistar seus verdadeiros fãs. A Feud se extendeu por três PPVs, até acabar numa TLC Match, onde Punk para o espanto de muitos, venceu, e logo no Smackdown seguinte, uma Steel Cage Match, forçando Hardy sair da WWE.

Outra pausa para um comentário… Lembro-me bem naquela época, na horrível época do PG, onde quase ninguém levava tanta fé no Punk. Bem, naquele tempo a Blogosfera era bem diferente, tanto que nem conhecia o GRTR, mas mesmo assim, minha opinião ainda sim era diferente, e eu adorava ver Punk ali como World Champion, e também com raiva por tirar Hardy da WWE, um dos meus favoritos na época, mas isso não vem ao caso.
Era bom ver Punk no topo, mais uma vez no Main Event, porém, Undertaker, bem velhinho, fez seu retorno logo contra Punk, assim principiando outra Feud.

Nela, Undertaker sofre um outro Screwjob, em que não dá Tap Out durante uma Anaconda Vise de Punk, além de que já tinha sido Screwzado durante a luta, pertencente ao Breaking Point 2009, onde Punk sai vitorioso. Só que Punk ainda era novato, não conhecia um real backstage, e é punido, perdendo o World Championship em uma HIAC, em Open Card do Hell In a Cell… Mas, por quê? Porque fez uma pequena brincadeira quando foi pedido para andar como um World Champion, fazendo ofenças com a Attire de John Cena… é, logo dele!

Falou logo do Cena, e deu nisso...

 E à partir Punk se perdeu na WWE. Saiu do Main Event, ficou Jobbando por bastante tempo, até chegar ao Royal Rumble, onde dominou totalmente aquele começo de Royal Rumble Match, e depois eliminado por Triple H… Dessa vez passou longe!

Passa mais mais um tempo, e Punk inicia uma Feud com Rey Mysterio, que foi o auge de seu Heel Turn, quando começou a Gimmick de “Straight Edge”. No Elimination Chamber, Punk é eliminado por Rey Mysterio, o que apimenta a Feud. Momentos após, Luke Gallows aparece para fazer parte de uma Stable que Punk havia criado, a Straight Edge Society. Em quase todo show semanal em que Punk estava, ele cortava o cabelo de seus fãs, para o torná-los ajudantes de Punk, até que ele encontra Serena Deeb, que também entra pra Stable. Enquanto Rey apenas ficava por ali, até a Wrestlemania, onde sai com a vitória. No outro PPV, o Extreme Rules, Punk é ajudado por um homem mascarado, no caso Joey Mercury, antigo parceiro de John Morrison, e sai com a vitória… E essa foi a última vitória de Punk em um PPV de 2010.

Até que no PPV Over The Limit, existe uma Pledge vs Hair Match, em que Rey vence, e corta o cabelo de Punk, com sangramento e tudo. À partir dai Punk usa uma máscara preta, até chegar nos dias antes do PPV Money in the Bank, onde Big Show arranca a máscara, com Punk de braço engessado, indefeso, tadinho…

De muita dó nessa hora! 😦

Bem, naquele momento se percebia como Punk mesmo já tido conseguido duas Briefcases, dois World Titles e mais um ganho em Rematch, tinha sido jogado no lixo. É ali que começava a “desvalorização” citada por mim no começo desse texto. Punk não tinha onde ficar, não tinha pra onde ir, o que restou ficar Jobbando, passando PPV após PPV, até uma hora sagrada à ele, uma lesão!

A lesão foi sagradíssima. Ali começa-se a abrir uma brecha da janela por onde ele entraria no Main Event, até que ele foi convidado à ir para o RAW, e também sendo convidado à participar da mesa dos comentaristas. Enquanto ele ficava por ali, Cena tinha acabado com a raça da Nexus, principalmente de Wade Barrett. Punk, em uma edição do RAW, ataca Cena, com uma Chair, acertando-o nas costas, sem ninguém saber porquê.

Vendo essa imagem, veio um "Cena vs Punk na Wrestlemania"!

ai, não seria uma brecha para CM Punk? Era o que todos esperavam, uma Feud com Cena, que sem dúvida alguma estaria no Main Event da Wrestlemania, o que levaria Punk ao triunfo. E tenho outra pergunta à vocês: Até esse ponto, todos pensaram o mesmo, certo?
 

Punk já não era mais o mesmo, tinha algo à mais, um espirito mais evoluído, com cara de quem sabe o que fará se derem-o uma chance. O problema, é que a chance veio de uma forma errada… Como a Nexus havia sido desfeita, Punk foi coroado pra assumir o comando da Stable, onde está até hoje, mas naquele começo de ano, era ótimo, dependendo do que planejavam, embora poderia sair algo muito pior do que pensavámos, e saiu.
No Royal Rumble deste ano, Punk era um dos favoritos a ganhar a principal luta onde lhe daria uma vaga garantida por um outro World Title, e ainda com Cena envolvido na história, era certo que o futuro lhe reservava mais uma ótima oportunidade… ERRADO.

Os Bookers armaram algo tão sem noção, apenas para fortalecer o Superman Randy Orton, que estava disputando o WWE Championship, ferrando com Punk por ter que Jobbar pra ele, entretanto, ainda tinhamos as nossas expectativas com a Royal Rumble Match, no evento principal da noite. Punk começa bem, entrando em primeiro, e dominando à todos ali, com ajuda de sua quadrilha, entretanto, novamente, Cena, um dos integrantes da história, eliminou o grupo inteiro, dando ainda mais motivações, pelo menos pra um começo de Feud, mas essa Feud se progrediu pra outro lado, enquanto Punk caiu num lado bem pior.

Orton fez de Punk um Jobber em toda sua Feud, exceto no Elimination Chamber, onde foi eliminado em uma das Chambers pelo próprio Punk, só isso mesmo. Orton eliminava cada integrante da Nexus à cada semana, até a cruzilhada final, um contra um, no maior palco de todos, e adivinha? É, Orton outra vez, isso já ficava chato. A feud prosseguiu, até um meses atrás, com término no Extreme Rules, que Punk… Perdeu denovo, porra produção! :@ E ai cada um seguiu seu caminho, e Orton se saindo melhor, como todo mundo sabe a história, e se não sabe, dê uma fuxicada na minha primeira coluna, tá tudo explicado lá! 😛

Orton FDP! :@

Mas e agora, como ficaria a situação de Punk, sem Feud, sem adversário, iria continuar jobbando novamente? Parecia que sim! Estamos chegando perto do final dessa história, cada vez mais preocupados com Punk que já dava indícios de ameaça, mas que ameaça? Espere, garotinho! 🙂

Punk ainda fica um tempo, de mais ou menos 1 mês e meio sem fazer quase nada, tanto é, que nessa época que as ameaças começam a ficar fortes, e a WWE faz de tudo pra Punk não sair da empresa, que eram suas ameaças. Como a WWE não é nada besta, “tentou” ser gentil dando uma Tag Title Match no Over The Limit, que ele e Ryan não tiveram bom resultado, perdendo a luta.

É ai que a WWE percebe o quanto Punk é uma joia rara de encontrar-se, é começa a reconquistar o brilho que nunca foi o dado direito, então assim se iniciava uma das melhores Storylines desses anos, e a melhor da PG Era: O “saio ou não saio” de Punk. Logo se inicia uma breve Feud de Punk com Rey Mysterio, onde Punk após 13 meses, arranca uma vitória num PPV, no caso, o último feito pela WWE, e no RAW seguinte, acontece a melhor coisa para Punk nessa longa jornada pela WWE, e não quero que venham com papos de “e quando ele foi World Champion?”, para mim, aquilo nem foi coisa boa pra ele, pois foi praticamente apagado, e só é revivido quando Punk menciona ser o único 3 vezes Straight Edge World Heavyweight champion, então tudo isso nem conta.

Ok, aqui começa realmente a minha dissertação colunal. A melhor coisa foi Punk finalmente conseguir uma Title Shot ao WWE Title, pertencente à John Cena. o mal disto, é que Punk anda com a já citada Storyline, de sair da empresa, no dia do PPV, no término do seu contrato, diretamente com o cinturão em mãos.

Ameaça de botar qualquer um contra a parede!

Em todo meu tempo blogosfera, quase dois anos e meio, eu nunca vi algo tão tenso e confuso como isso. O suspense é tão grande, que está tudo dividido, tem gente que diz que Punk deveria sair e ir pra TNA pois lá seria aproveitado como deve, outros preferem que volte para a ROH, e outra parte, que eu me incluo, prefere sua continuação na WWE. Não digo que será ruim ele ir pra TNA, mas agora é a hora dele na WWE, e se ele está ciente, tudo isso realmente não passa de uma história muito bem feita, e ele irá novamente pertencer ao Main Event, saindo uma hora ou outra, claro, pois não é toda hora que ele estará lá, mas quando for preciso, ele será o cogitado pra assumir o comando.

A WWE tem sua confiança em Punk, e mostrou isso no último RAW, pois eles deixaram-o falar o que tinha na cabeça, o que realmente pensava, e falou. Quem teria coragem de falar sobre outras empresas, de outros Wrestlers já fora da WWE, de outros que tem MUITAS intrigas com a WWE? Punk também não falaria por questão própria se não tivesse permissão pra falar isso, e isso é exatamente o que teve naquela hora, confiança. Claro, cortaram o microfone quando souberam que ia esquentar e ficar forte demais, entretanto a “merda” já estava dita, e Punk visou totalmente como é o cara que é mais desvalorizado nesse local. Alguém que já conquistou tanta coisa, que tem uma capacidade de falar no microfone, junto à capacidade de lutar muito, e mais que isso, ser adorado, aplaudido pelos fãs, mesmo sendo um Heel nato, não pode ficar fora dos grandes planos. O impacto dessa Promo foi tão grande, que já “suspenderam” ele das programações ao vivo, já foi visado por Angle e Rock por serem citado durante o falatório, e ganhou ameças, isso tudo pra ver como a verdade dói.

Já lutaram um contra o outro, e agora querem lutar juntos com o Punk?

 Punk é um cara de outro mundo, um manto sagrado, e o real futuro da WWE, pois é o único que não peca em nada, e no momento, é sim o melhor Wrestler em atividade no mundo. Posso estar errado, pois existem também os Wrestlers Indys, mas será que eles teriam o mesmo sucesso que Punk tem? Não duvido, mas pago pra ver!

Enfim, uma desvalorização tão grande como essa, não poderia resultar em outra coisa como o que está acontecendo agora. Punk afirma sair da WWE, com o WWE Title em mãos, logo no dia do término de seu contrato, e lembram de eu ter falado sobre Chicago? Sim, isso influenciará tanto quanto qualquer outra decisão. Punk, pelo que eu sei, nunca se deu mal em sua terra natal, e isso é mais um motivo para acreditar que ele chegará aonde quer chegar no dia 17 de Julho. Podem ter certeza!

Torçam para que essa imagem vire verdade!

Bom, agora é esperarmos, termos paciência, pagar pra ver o que é isso, pois é algo único, as probabilidades de vermos algo igual a isso, são de menos de 5%, acredito eu. É rezar, fazer as mandingas, torcer, xingar muito no Twitter, e ver o que acontecerá no final dessa história…

_______________________________________________________________

UFA, até eu cansei… Coluna grande, não? Bem, me desculpem por fazer vocês leitores lerem tanto, mas estava com muita vontade de escrever sobre ele, e pra ver como estou mesmo assim, estava tudo previsto para apenas falar sobre a situação atual e acabou saindo uma mini biografia da tragetória de Punk na WWE! xD

Então é isso minha gente. Acabando a coluna por aqui… Comentem, debatam, digam o que esperam sobre o fim dessa discussão que deixou qualquer um aflito. Bem, aguardo-lhes nos comentários!

And That’s The Bottom Line, Cause Ricke Said So!

aaaaaaaaaa

Anúncios

39 comentários em “And That’s The Bottom Line #3 – “E agora, Punk?”

  1. Acho que sou esperava que ele ganhasse a MITB na WM 25. Gsoto mt do Punk lutavo mt bem, mas a WWE n sabe aproveitar bem alguns wrestlers, agora espero q ele tenha sucesso pra onde ele for, pois me parece um cara mt bacana e gente fina.

    • Punk merece ter sucesso em qualquer lugar, então não haverá tantos problemas pra onde ele ir, mas ainda sim acho que agora é a hora certa dele!

      Vlw pelo comentário!

  2. CM Punk é o Wreslter mais completo do mundo hoje,tem abilidade no ring sabe fazer promos e até na mesa de comentários comenta melhor que comentárista (né booker T)….
    e outra Rock vc que se dane,vc é um porco capitalista de merda,pare e aprenda como se faz promos o o CM Punk!!

  3. CM Punk é o Wreslter mais completo hoje em dia,tem abilidade em ring sabe fazer otims promos,e comenta melhor que muito comentarista (né booker T)….
    e outra The Rock vc que se dane seu porco capitalista de merda,senta lá e aprende á fazer promos com o Punk!!

    • Tá de brincadeira néh? Tá certo que o Punk exibiu naquele RAW, uma das mais impactantes e memoráveis promos de sempre, mas só por causa dessa ocasião, já querem comparar as habilidades dele no microfone com as do Rock? Calma…

        • Cara, não é justo você falar assim, só pq o Punk tá fazendo o que vc não viu o Rock fazer. Rock já é lenda, já lutou, não precisa mais (Além da WM 28). Quer dizer que, só pq agora o Punk tá rulando tudo, devemos esquecer o passado? Vê direito, cara!

  4. Ótimo texto, Ricke! Fluiu muito bem e nem pareceu tão grande.

    Pra dar minha opinião sobre o Punk, é simples: desde que bati o olho nele na primeira vez ele foi meu wrestler favorito. Tirando talvez Edge, Christian e Chris Jericho, pra mim ele é quem mais merece sucesso na WWE. Eu nunca tinha percebido que ele não ganhou num pay per view por 13 meses, mas sempre apostei nele no DDA. 😛

    CM Punk é a melhor coisa que já aconteceu pra WWE e eles só perceberam agora que tão deixando ele escapar. É como diz o ditado, né! Agora que a WWE perdeu um dos mais capacitados pra main eventer (e olha que ela tá precisando, e precisando MUITO, perdeu uns 3 ou 4, só nos últimos meses), eu só espero que ele não vá pra TNA de jeito nenhum, e que a WWE trate suas outras jóias (ela tem muitas jóias ocultas no roster, e nem imagina como polí-las) melhor do que aconteceu com o Punk.

    Aconteça o que acontecer, espero que o Punk volte um dia, pra reinar na WWE, o que já deveria ter acontecido faz MUITO tempo.

    Sem mais.

      • Não, porque a TNA fede. Só isso. A TNA tem MUITO main eventer e pouco espaço pra mostrar todos eles, sem falar que colocou Hulk Hogan e Bischoff no meio… fudeu.

        Realmente, eu acho que ele seria valorizado… por 3 meses, aí ia desaparecer por outros 12. Francamente, já foi o tempo que eu perdia meu tempo com a TNA, e o Punk é esperto demais pra ir pra lá.

        • Bom, eu não sou um TNA Hater, muito pelo contrário, mas acho que o Punk deve sim ficar na WWE. É o momento dele, todos sabemos disso. Entretano não sou contra dele ir pra TNA, e se for pra ficar muito bem lá, tá ótimo!

        • A questão não é querer que ele fique, e sim desprezar 100% o wrestling da TNA e abominar o fato de um wrestler da WWE ir para a TNA. Isso é escroto, você tem de admitir.

        • Eu não abomino o fato de um wrestler da WWE ir pra TNA. Eu abomino o fato do Hulk Hogan e o Eric Bischoff desperdiçarem ainda mais o talento deles do que o Vinnie O’Mac jamais poderia. Cai na real se tu acha que ele vai ser aproveitado com o Hogan lá. .-.

        • Gitz, não vi ninguém dizendo que estão desprezando o Wrestling da TNA, se vc leva à sério o que um Noob que nem entende nada fala, é melhor ignorá-los.

          O maior problema também é ficar insistindo que Wrestlers desprezados pela WWE vão pra TNA, achando que ele será o rei, o melhor de todos. Até agora, a maioria fica um tempo, depois cai, tudo isso pq Hogan e Bischoff, contratam um outro cara foda, pra tirar a vaga de outro que tava indo muito bem. O Roster da TNA já é cheio demais, principalmente de Main Eventers, e contratando mais Main Eventers ainda, só descridibiliza quem tá lá, como Styles, Joe etc.

          Eu gostaria sim de Punk indo pra TNA, mas não gostaria de vê-lo pegando a vaga de outro, e depois tendo sua vaga pega por outro “outro” que chegará tendo destaque!

  5. Belo texto Ricke, depois comento mais… Mas a parte que me citou ali (creio que o Gustavo ali era eu :P) está certa. A road to WM dessa edição foi sensacional. Feud FODA do HHH vs Orton (que depois, COMO SEMPRE a WWE cagou) feud esperada por muitos dos irmãos, e promessa de lutaça… Tínhamos o Kane destruindo nas promos pro MITB, por isso muitos reclamaram quando Punk venceu, queriam que o Kane vencesse e voltasse a reinar como o monstro que é. E claro, HBK vs Taker que nem é preciso falar muito. Todos esses ingredientes, e uns outros ai fizeram esse road to WM ser o melhor que já vi até agora (WM’s 25, 26 e 27).

    Depois volto pra falar desse belo texto.

    • Era você mesmo… Sempre fala sobre isso quando tem algo envolvendo WM! 😛

      Infelizmente não consegui acompanhar essa época, mas agora nem pesquisaria, já que se for pra acompanhar tudo isso, e depois ver a caca que fizeram na WM, é melhor deixar pra lá!

      Vlw pelo comentário e espero que volte! 😀

  6. O texto está PERFEITO, eu li uma estrofe e fui lendo, não deu preguiça como outros.

    Sobre o Punk, você leu meus pensamentos, e acredito eu, de muitos outros fãs.

    Queria comentar também sobre a RTWM que você citou que o Gustavo disse, e o mesmo comentou no próprio comentário, se você analizar outro wrestlers, verá que aconteceu o mesmo(ou até pior) com o que aconteceu com Punk, como por exemplo Kofi, com aquela puta sacanagem feita com ele no NWO e Koslov, que estava simplesmente fenomenal desde o finalzinho de 2008, com a gimmick de powerhouse monstrengo e depois que serviu de jobbe também no mesmo PPV foi “jogado no lixo”

    • Vlw pelos elogios!

      Na maioria das vezes esses pequenos deslizes que acabam com alguém… Kofi, se tivesse entrado na EC, certamente já teria subido ao ME, pois na época merecia, e foi indo, levando, mas como ele não entrou, Orton conseguiu acabar com o Push dele, que seria pra antes, de um dia pro outro e olha a merda que ele é hoje!
      Kozlov também foi jogado no vento, se não me engano ele passou boa parte na WWE como invicto, teve uma WWE Championship Match, e até teve uma disputa pra quem enfrentaria o Taker na WM… Vendo assim nem se acredita aonde ele hoje!

  7. Quando ele disse que é o melhor do mundo, e iria provar que realmente é, creio que ninguém duvidou dessa capacidade. E pra mim, o Punk é o melhor do mundo atualmente, pode haver melhores lutadores, mas melhor out-ring, creio que não, apesar de ter toda a habilidade e as manhas dentro do ringue também,

    Punk pra mim, e como todos disseram, é um lutador completo e de extrema importância, tenho certeza que o talento desse belo lutador, não ficará esquecido com o tempo.

    E sobre a RTWM de 2009, foi realmente sensacional. Praticamente todas as feuds existentes naquele momento, até de mid-cards que não costumam dá tanta importância, foi feito um excelente trabalho, com promos e lutas que dariam muita expectativas para o WM. Mas parece que realmente é verdade, quando se cria expectativa para algo, no dia acaba não agradando. Foi uma WrestleMania que nem chamo de WM, desde lá chamo de Taker vs. HBK.

    Bom texto Ricke, escreveu direitinho a trajetória do Punk na WWE, e ainda falar sobre ele com inteligência. Abraço.

    • Opa, vlw pelo elogios e pelo comentário, Patrick!

      Como eu disse no texto, pode haver outro que seja melhor que o Punk, mas duvidaria muito que se chegasse assim, teria o sucesso e impacto, sem ser criticado, como o Punk. Por isso digo que é o melhor do mundo sem dúvida alguma!

      E é isso, o quanto a gente mais espera, mais saímos prejudicados por ver algo tão horrível!

  8. Texto sensacional, tio Ricke. Concordo com tudo que disse aí, Punk tem um puta talento e merece mais destaque. 14 PPVs sem vitória é tenso viu… Qualquer um teria vontade de sair com isso…

    O jeito é esperar até o MITB e ver no que dá.

    • Vlw pelo comentário, sobrinho Gitz! xD

      No momento é só questão de tempo mesmo, e da escolha do Punk. Não é de hoje que ele se sente assim, isso faz muito tempo, mas só nesta época que aumentou as especulações. O jeito é esperar e torcer pra algo bom acontecer com ele!

  9. Carai velho! Ótimo texto hein!
    Sempre fui fã do Punk e depois dessa promo o nível do conceito subiu mais de 8 mil vezes. Quando tava assistindo fiquei até assustado com o que ele tava falando. Falou de ROH, AJPW wtf O.o
    Espero muito mesmo que ele seja o #1 contender e vença pois parace que a luta foi cancelada T.T

    • Qualquer um virou fã do Punk com essa Promo, e se já era, ficou mais ainda, como vc mesmo diz!
      A Promo foi bem impactante. Lembro quando vi todas as notícias, fiquei muito tenso, e depois quando fui ver durante o RAW, fiquei mais surpreso ainda, mesmo sabendo tudo o que ele já tinha dito de importante.. Tenso demais!

      Sobre a Contender Match, se resolverá tudo nessa próxima RAW, foi gravada, é só ver os Spoilers! xD

      Bom, vlw pelo comentário! 😀

  10. punk ta certo… viaja o ano todo, sendo ridicularizado pq fez mais sucesso nas indies, mas era capaz de dar um show completo no ringue (Kofi & Punk feelings) onde ele “voava”, “tagava” e ainda viria a ser tag champ (um dos ultimos champs que levaram o title a sério) e depois 3x world champ (WHC).

    eu acho que se ele voltasse pra ROH, seria bom para ROH, mas se ele fosse para a TNA (DENOVO! ELE NÃO É RECICLADO DA WWE!) ele até ganharia um pouco menos, mas foda-se essa merda, e nós poderiamos REALMENTE chamar a TNA de nova WCW. e tenho dito, PORQUE ESSA É A LEI!

  11. Ótima Coluna, tomará que o Punk ganhe o WWE Tittle e siga na empresa, tbm não quero que ele saia dela…
    Se contratarem o colt Cabana, Lesnar e Paul, vai ficar foda! ‘-‘

  12. Belo texto… Longo, mas que não foi tão cansativo… Foi bem o que você disse, meio que uma biografia do tempo que ele ficou na WWE… Sim, ficou, porque ele sairá dia 17, e quem acha que ele ficará, desculpe, mas está sendo MUITO tolo. É claro que ele sairá, pois imaginem só o Cena saindo da empresa de novo? E outra, só quem sairá é que tem liberdade pra fazer a promo que ele fez. E se fosse pra aceitar, ele já teria aceitado, ele ficará igual o Hardy. Mil ans pra re-assinar, e no final sai… Será isso, sem mais. Agora o futuro dele? Bem, prefiro ROH, não sei porque, mas não o vejo na TNA, e acharia bacana um nome como esse pra ROH crescer ainda mais.

    Bom texto, realmente bem colocado e na hora “certa”. Poste mais, seus textos são bons pra se ler.

    • Vlw Gustavo… Também não acredito tanto na vitória do Punk, mas ainda sim estou torcendo. Só não citei sobre essa do Cena pro texto não conter Spoilers e vir um FDP falando merda! ¬¬

      E agora tá pra postar regularmente, agora tô de férias com mais tempo pra pensar num texto bom… Aliás, talvez de Domingo pra Segunda tá saindo outro!

  13. Texto grande mas não me deu preguiça de ler e o Punk não é describilizado ele é super describilizado o único que se pode comparar com ele é o Mr.Anderson olha só eu duvido que o Triple H ou o Shaw Michaels teriam coragem de ter o seu cabelo cortado para depois ficar um tempão sem ganhar nada,o Punk tem mesmo de sair da WWE e tomara que fique doidão e arranje um jeito de ganhar o título ir para a TNA e feudar(como heel)com AJ Styles mas isso é mais dificíl que o Corinthians ganhar uma Libertadores(ou não).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s