Review SmackDown – 05/08/11

E então pessoal, aqui é o Ricardo “Criador” Silveira e trago até vocês o review do último SmackDown. Faz muito muito tempo que não faço um review de show semanal, então devo estar um pouco enferrujado, mas como o Modestinho está com alguns problemas e não poderá dar conta do show, eu assumirei quando ele necessitar. Sem mais papo, acompanha aí a continuação.

https://getreadytorumble.files.wordpress.com/2011/07/smackdown-grtr.png?w=448&h=147

Diferente do habitual o show de wrestling começa com um combate, e ele é entre…

Sheamus vs The Great Khali

Inacreditavelmente o combate rendeu de forma interessante, onde ambos trabalharam a favor do face turn do Celtic Warrior, Sheamus. A crowd correspondeu quando necessário e reforça a nova personalidade de Sheamus. A luta se encerra quando Sheamus consegue escapar do estrangula cérebro do Khali, e com umas cócegas no peito do gigante o deixa em posição para receber o brogue kick, finalizando e decretando a vitória por pinfall. O interessante a se notar neste combate é o fato de não terem usado o Mahal a favor de Khali, credenciando a vitória do oponente de Mark Henry no SummerSlam.

E… Acreditem só, logo em seguida mais uma exibição 1 vs 1.

AJ vs Natalya

Em curta duração as divas trabalharam sobre submissões, AJ por ser magrinha e pequeninha não passou credibilidade alguma para a vitória de Natalya por submissão com o sharpshooter, apenas serviu para o segmento pós combate, quando a canadense atacou sua ex-rookie do NXT e pegou o microfone declarando estar junto de Beth Phoenix em acabar com a era das divas princesinhas. Não sei porque, mas eu lembrei disso aqui…

Daniel Bryan vs Tysson Kidd

Ok, é legal ver um show de wrestling com lutas, mas elas precisam de conexão e nexo. Acho que agora é o momento ideal para se ter uma promo, não mais uma luta, independente dela ser entre dois caras bons como de fato são, mas o que atrapalha é que eles não estão com apelo popular suficiente para nos fazer baixar um show apenas por causa das suas respectivas aparições, embora eu creia que já tenha passado da hora do status de Bryan ser elevado no show. De qualquer maneira, o SD MITB Winner mais uma vez fez um combate interessante e dentro do seu padrão, enquanto na mesa de comentários Wade Barret fazia seu papel divulgando mais seus sentimentos quanto a Bryan. De luta, pouco vale a pena mencionar caso você já os conheça, eles trabalharam com a parte atlética do wrestling, tendo maior enfoque no físico dos dois competidores. Venceu aquele que se mostrou ser mais completo, neste caso o wrestler de theme song nova, Daniel Bryan.

Promo entre Zack Ryder, Ezekiel Jackson, Cody Rhodes e Ted DiBiase

O broski Zack Ryder vem pro State of the Showski Adress with Zack Ryder, explicando que os ratings tavam baixos e veio dar uma mudada no show… Ezekiel Jackson aparece e vem buscar por uma explicação para Ryder tê-lo colocado em uma handicap match. Ryder desconversa metendo um caô do naipe de uma garota na balada com as amigas dizendo “eu tenho um namorado que ficou em casa”, alegando ter se confundido com Zeke. Enquanto o Internet Champion tenta se explicar, Cody vai até a rampa de entrada junto seu “amigo” Ted. Cody injeta um pouco de realidade no show ao afirmar que Zeke não merece ser campeão, e a soluçã opara todos os problemas é vencendo pelo cinturão ressuscitando a imagem do título, e de seu amigo Ted. Zeke então aponta que o Million Dollar Man Jr. está sendo usado assim como fora na Corre, abrindo espaço para um turn de Ted sobre Cody. Do pouco que se fala a seguir, acerta-se um combate entre Cody e Zeke pelo Intercontinental Championship, mas o maldito nobody cares unloved Teddy Long entra e começa a fazer humor russo contra Zack e o botando pra lutar contra Ezekiel Jackson, right now. Ah, e Ted e Cody banidos da ringisde.

Humor Teddy Longiano.

Ezekiel Jackson vs Zack Ryder

Are you serious bro? Para não desvalorizar nem um nem outro, Ezekiel Jackson venceu com o seu torture rack, porém Zack aplicou seus signature moves, no mais um “squash” bonitinho.

Mark Henry vs Vladmir Kozlov

Como muitos já sabem, o ucraniano com gimmick de russo na federação é televisionada em diversas partes do mundo mas se baseia nos Estados Unidos foi demitido. Então em sua luta de despedida nada melhor do que ser “squashado” pelo futuro adversário de Undertaker na WrestleMania 28 (oh God No! Sério isso? Tanto cara foda pra lutar com o Phenom em sua muito provável ultima luta e é o Henry o oponente?). No mais, essa luta só reforça a ideia de quão medíocre o show se encaminhou. Parece que a criatividade se focou na Raw, infelizmente eu nem posso assumir isto porque quem está tomando conta da rivalidade entre Punk, Cena e Triple H são os três mais Vince. Então conclui-se que… Nessa época do ano os caras simplesmente ignoram a arte de criatividade. Ah sim, depois da luta Henry atacou Kozlov com a cadeira deixando-lhe com uma “lesão”…

– Não gosto de citar segmentos de backstage, mas este vale mencionar: Todd Grisham entrevista rapidamente Seamus, que age no papel de face dizendo não se importar com a besta Mark Henry, dizendo que o que Henry fez com Show, Kane e Kozlov não irá ocorrer contra ele no SummerSlam, porque ele – Sheamus – irá usar toda sua paixão e desejo de competir na WWE contra Henry, e isto porque ele é irlandês, e faz mais uma das referências ao folclore irlandês. Esperava ele concluir dizendo que depois da luta chamaria Henry pra tomar umas biritas.

David Otunga, Michael McGillicutty e JTG vs The Usos e Trent Barreta

Mais um combate dos tag team champions, o que de certa forma é bom. Apesar de eu não ser um fã da dupla, reconheço a necessidade de que apareçam nos shows semanais, uma vez que são simplesmente os campeões da enfadonha divisão de duplas da WWE, que possui simplesmente duas tag teams: Os campeões e… Os Usos. Se há outra tag team, gostaria até mesmo que você no seu comentário cite-a, por favor. A adição de JTG e Trent Barreta serve apenas para criar a ilusão de que não tem se repetido os duelos entre as únicas duplas da WWE, que muito provavelmente se enfrentarão em outras ocasiões, aguarde. É legal também ver que os ex competidores da primeira temporada do NXT estão se entrosando mais como dupla, não sendo apenas dois caras random lutando em dupla, mas dois caras random fazendo uma dupla random. A respeito de seus oponentes é sempre bom mencionar a entrada estilosa dos Usos, uma das melhores coisas que já ocorreu no midcard da empresa, e também o Trent Barreta, o magrelo voador que sempre rouba a cena das lutas em que participa. Tudo se encerra quando rola aquela bagunça tradicional de tag match, e sobra Trent para sofrer o pinfall de Otunga após um finisher de dupla: um elbow drop sobre Barreta que estava apoiado no joelho de Mike. Grande finisher… /ironic

Depois de uns segmentos de backstage e Raw Rebound, vem o main event da noite.

Christian e R-Truth vs Randy Orton e John Morrison

Um show semanal com sete combates? Quem dera a realidade fosse compatível com a estatística. Duas lutas foram squash, e uma de divas, ou seja: tudo completamente desnecessário para o show. E quem protagoniza no main event? Orton e Christian, os mais saturados ever da WWE. Apesar da adição de JoMo e R-Truth para darem um novo pique ao combate, ele foi deveras burocrático e quem assistiu pouco se importou com o que houve, pouco se adicionou ao ritmo do programa, no máximo há um item a se salientar: um belo school boy de Orton do turnbuckle… E o final com Orton distraído sofrendo o Killwitch e sendo pinado. Por que o destaque para isto? Bem, é que nos pay-per-views o Orton sempre dá kick out após o finisher do Christian e no show semanal não. Estranho.

– No geral, este foi o SmackDown, espero que tenha gostado do review/análise e deixe aí sua opinião. Assim como o Modestinho vou deixar aqui minha “avaliação pessoal” do show: **, lutas desnecessárias, falta de conectividade entre os blocos do show, e apesar do bom main event, nada me prendeu no show inteiro a não ser a necessidade de fazer o review. Até a próxima, ou logo mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s