Ultimate Fight News no GRTR #02-Talvez!

Olá pessoal do Get Ready To Rumble, estou de volta aqui ao blog depois de um período de duas semanas sem dar as caras. Hoje para vocês um texto sobre um assunto que foi destaque na última semana. Para lerem sobre o que eu estou falando clique em Continue Lendo.

Orgasmos Múltiplos ao ver isso.

O dia era quarta-feira e logo pela manhã o tuiteiro @airton1 perguntou para o WWE Champion CM Punk se depois da turnê pela terra do dinheiro, poderiam passar sobre as terras tupiniquins para alegrar o público brasileiro de wrestling. O WWE Champion respondeu com um simples “Talvez!” (May no sentido de verbo em inglês, quer dizer: Talvez, Pode Ser) o que deixou não só como todos os leitores que buscam informações sobre Wrestling nos blogs aí, como até eu, uma das pessoas mais pessimistas sobre o assunto, ficasse contente.

Agora meu pessimismo sobre um possível Live Event tem motivos, e bons motivos.

UFC chegou primeiro ao Brasil

Neste mundo globalizado e com o acesso a internet e facilidade na comunicação, o UFC ganhou um grande público no Brasil, basta recordar os dois eventos realizados no Rio de Janeiro. Podem me falar que o produto das duas empresas é diferente, pode ser, não aqui pros brasileiros. Basta ver comentários na página do Esporte Interativo no Facebook quando postam algo sobre WWE e o montante de comentários: MARMELADA, LUTA FALSA, UFC É MELHOR QUE ESSA DROGA e etc. São comentários típicos das pessoas que não conhecem o produto ou que não enxergam a beleza da coisa, ou o real motivo pelo qual assistimos pro-wrestling.

Outro problema para a realização de um evento da WWE, é a faixa etária que este show é promovido. Aí vem a ligação com o problema anterior, o UFC é de um público pouco mais velho, que trabalha e tem seu dinheiro para assistir um evento deste porte… Está aí DINHEIRO, para ver um Live Event precisa de dinheiro tanto para se locomover até o local, quanto para adentrar-se no local. E pra faixa etária que o show é promovido, como ficamos com esta situação? Sei lá seu pai pode arrumar dinheiro pra você e tal, mas e outras fãs?

Além do dinheiro, ainda falando da faixa etária, somos uma minoria de fãs no país do futebol e agora quem sabe país do MMA visto que temos o melhor lutador peso por peso do mundo e o auge da carreira de Junior Cigano e José Aldo, não temos mais a tradição que já tivemos com o pro-wrestling na década de 80 com o programa Astros do Ringue, e com a própria WWF do extinto canal Manchete (Sorry para você que nunca viu nenhum programa em geral da Manchete). Pergunte aos seus pais se ele tiverem mais de 40 anos se eles sabem ou já ouviram falar de Astros do Ringue, Michel Serdan, Diabo Loiro, Aquiles, Trovão, Múmia Centenária, Ted Boy Marino, “Caminhoneiro” Falcão, eles vão lembrar ou vão te falar a respeito.

Porém com o passar dos anos, todo bom programa tem sua queda e seu fim, veio a WWF com transmissão pela Manchete e narração do (R.I.P) Carlos Valadares e Ted Boy Marino, mas com o fim do canal acabaram-se as transmissões e o wrestling no Brasil praticamente morreu. Veio depois lá o SBT passou uma meia duzia de shows e a maioria do pessoal que visita os blogs é desta geração. O que eu quero dizer com essa pequena história é que somos poucos para um Live Event no Brasil, não queremos fazer feio e vermos uma Empty Arena Match em terras brasileiras, muito menos cancelarem Tour’s como fizeram em nosso querido país vizinho chamado Argentina que diga-se de passagem tem tradição com Lucha Libre.

Reconheço o trabalho que vem sendo desempenhado pelo BWF que tem seus fãs assíduos como eu e ao Esporte Interativo, mesmo com as críticas ou o Cyber Bullying que os noobs tem recebido na blogsfera do gênero, temos de reconhecer que os caras tão buscando melhorar a toda semana com o RAW e o Smackdown, e agora trazendo a nós fãs, os pay-per-views da WWE. Uma resposta disso, basta conferir a página oficial do Esporte Interativo no Facebook anunciando exibição dos shows, a grande quantidade de comentários no post, compartilhamentos e Curtir (Y).

Portanto, WWE ou qualquer outra empresa estrangeira que queira adentrar em nosso país com seu produto não vai encontrar um grande público e não se interessarão pelo nosso país e quem sabe até cortar o pouco que existe. Mas quem sabe em um futuro próximo, com uma maior valorização do produto no Brasil como já disse estamos colaborando para isso e uma conquista maior de fãs. Já disse o WWE Champion: “Talvez!”

by Ricardo de Paula

Anúncios

8 comentários em “Ultimate Fight News no GRTR #02-Talvez!

  1. Bom texto,ja tinha lido no UFN.
    Essa é a hora perfeita pra WWE vir pro Brasil,basta o E+I divulgar,e tambem,se só em São Paulo são 60 mil pessoas que assistem a WWE,não deve ser dificil colocar 3 ou 4 mil pessoas numa arena por aí.

  2. Bom texto xará… Mas Jack Swagger não foi com a sua cara, né? hehehehe

    Se bem que eu acho que a WWE pode tentar fazer no Brasil novamente algo que ela fez em 2007, um meeting com fãs e tals, autógrafos, nada demais, mas com algumas celebridades. E talvez isto seja no RJ… Em Maio!

  3. Não acho que seja exatamente a hora de fazer isso, mas pra mim, é o ano certo pra isso. Já temos um canal que conseguiu criar vários fãs (A maioria deve ser filhinho de papai :P), já temos uma base desde o SBT, temos adultos que até poderiam querer relembrar os bons tempos de luta livre aqui no Brasil e principalmente alguns lutadores aqui do Brasil. Sei que não tem como fazer algo tão grande, até porque nem é todo mundo que vai pra uma cidade de um dia pro outro já que não têm como se locomoverem, mas bem que a WWE podia fazer uma ajuda ai, como um cadastro e levar alguns sorteados, a FIFA faz isso em várias competições de futebol, por que a WWE também não faz essa caridade?

    Aliás, ótimo texto e visão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s