“Recordar é viver…”#10

Quem diria que um dia eu postaria esse quadro, afinal, pra alguém que começou sem pretensão alguma, apenas ajudando Corbari com as apostas, virar cronista e conseguir postar algo assim, relembrando passado, é um feito e tanto. Bem, sou novo com esse estilo aqui, mas estava relendo minhas antigas postagens e me deu vontade de fazer isso. ALGUM PROBLEMA? 😛 Sem mais muita demora, se quer conferir meu primeiro texto, com alguns ajustes e detalhes a mais (que estarão em vermelho no texto), já sabe…

Continuar lendo

“Recordar é viver…”#9

Rapaziada do mal! Não me xinguem! Voltei depois de um tempão prometendo fundos e mundos para o GRtR, fiz alguns textos e depois sumi novamente. Desta vez vou explicar: fiquei sem a estimável internê! Mudei de endereço e não consegui me conectar neste adorável mundo virtual da porradaria!

Mas chega de desculpa! Boemão está aqui, mostrando para o que veio! Lógico que com uma ajudinha do passado…rs.

Sem delongas, apresento a ultima historia da série “Diversidade do Wrestling”! Desta vez eu falo sobre os Fanfarrões da WWE na época. Personagens, que com seu jeito peculiar, estragavam a nossa amada e querida luta-livre!

Além da minha opinião atual em vermelho, mostro os comentários que bombaram na época! E não foram poucos!

Continuar lendo

“Recordar é viver”…#8

Nostalgia na veia! Sim, caros amigos, está se aproximando mais um recordar é viver! A coluna (que na verdade só eu que uso, rs) que traz textos que fizemos algum um tempo atrás e que vale a pena mostrar hoje. Com um grande prazer apresento a 6ª saga da série, “Diversidade do Wrestling” que para mim foi o mais prazeroso e bacana texto que escrevi (bem que não são grandes coisas, rs). Tanto pela complexidade por ter que fazer uma conexão entre os textos anteriores, quanto por falar de dois de meus ídolos.

Dá uma olhada! Lembrando que as letras vermelhas em parênteses são meus comentários atuais.

Continuar lendo

“Recordar é viver”…#7

Ora, ora meus magníficos amigos! Boeminho voltou! É, voltou no braço do povão, igual ao mengão, hexacampeão! Com rimas e títulos à parte, celebro minha volta com bastante técnica.

É, neste singelo texto relembro o quinto episódio da saga “Diversidade do Wrestling”, que dissertei sobre as técnicas e os wrestlers que usa todos os ensinamentos do “ inventor da luta-livre”, o mestre Antonio Inoki (lógico que escutei o Podcast neste tempo de ausência)!


Continuar lendo

“Recordar é viver” #5

Vindo dos lugares mais profundos da história, entra no ar mais uma edição do “Recordar é viver”. Peço licença para meu amigo Boemio, para usufruir desse espaço, e mostrar, novamente a vocês, uma matéria feita por mim, que por ser postada bem no segundo dia desse ano, não foi visto por muitas pessoas. E como o espaço é para recordar, vá em frente e relembre desse interessante texto, nesse saudoso espaço.

GIFF Reco__

Continuar lendo

“Recordar é viver …”#4

Ora, ora rapaziada! Chega a hora de mais um “Recordar é viver” e dessa vez com uma novidade. Estive pensando sobre o quadro e cheguei na seguinte decisão: somente postar um texto antigo, sem nada de novo para mostrar fica sem graça. Então, bolei algo novo. No texto, vocês verão algumas frases em vermelho, que nada mais são, do que opiniões que tenho hoje sobre o que escrevi no passado. Ou pode ser sobre as alterações dos wrestlers em questão ou até mesmo sobre as mudanças de opinião que todos nós, seres vivos, estamos sujeitos.

Este foi meu primeiro texto como membro efetivo do blog “This is Wrestling”.

Livro1

Continuar lendo

“Recordar é Viver…”#3

Ora Ora, rapaziada “experta”! Trago-lhes mais um “Recordar é Viver…”, coluna que mostra um pouco de alguns trabalhos antigos, na época que escrevíamos em outros blogs. Depois da excelente segunda edição com um texto sensacional de Fábio Corbari, o “Recordar…” volta com mais um artigo meu.

Seguindo com a série “Diversidade do Wrestling” , vamos a mais um texto que enviei ao “Espaço dos Leitores” do blog “This is Wrestling” e foi publicado em 16 de Outubro de 2008. Crédito das fotos ao amigo Fábio Corbari.

Livro1

Continuar lendo